Morre aos 88 anos o irmão mais velho do presidente angolano

Avelino Eduardo dos Santos foi vítima de doença

O irmão mais velho do Presidente angolano, Avelino Eduardo dos Santos, veterano da pátria, faleceu na terça-feira em Luanda, vítima de doença, informou hoje o bureau político do Comité Central do MPLA.

Em comunicado enviado à Lusa, o partido que governa Angola desde 1975 recorda tratar-se do "primogénito dos filhos da família angolana que gerou o arquiteto de paz" e que "com as suas qualidades de humildade e de sentido altruísta, soube transmitir valores que ajudaram a moldar positivamente a personalidade patriótica" dos seus familiares.

Avelino Eduardo dos Santos tinha 88 anos e não lhe era conhecida qualquer atividade político-partidária de relevo em Angola.

O Presidente angolano, José Eduardo dos Santos, partiu no sábado para Espanha, a sua quinta visita ao país desde novembro de 2013 e a segunda no espaço de quatro meses.

De acordo com uma informação da Casa Civil do Presidente da República, é de cariz "privada", sem adiantar mais pormenores ou data de regresso, que agora poderá ser antecipado, dado o falecimento do irmão.

A última destas visitas privadas a Espanha aconteceu em julho passado e prolongou-se por vários dias.

José Eduardo dos Santos, presidente do Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA) e chefe de Estado angolano há 37 anos, anunciou em março último que deixa a vida política ativa em 2018, ano em que completará 76 anos.

Contudo, o chefe de Estado angolano não clarificou em que moldes será feita a sua saída da vida política e se ainda estará disponível para concorrer às eleições gerais de agosto de 2017, antes da sua retirada.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG