Ministra infetada e Pablo Iglesias de quarentena. Governo espanhol faz todo o teste

A ministra da Igualdade espanhola, Irene Montero, testou positivo para covid-19. O companheiro, o vice-primeiro-ministro Pablo Iglesias, está de quarentena. Todos os membros do governo vão fazer o teste e os resultados serão conhecidos esta tarde.

"Eles estão bem", garantem fontes governamentais espanholas sobre Irene Montero e Pablo Iglesias. A ministra da Igualdade testou positivo para covid-19. O marido e vice-primeiro-ministro está de quarentena.

Havendo um caso positivo no governo, todos os ministros de Pedro Sánchez e o próprio primeiro-ministro vão realizar testes esta quinta-feira para saber se estão infetados com o novo coronavírus. Os resultados deverão ser conhecidos ao final da tarde.

Montero, de 32 anos, Iglesias, de 41, e os três filhos estão assim de quarentena, como recomendam as autoridades de saúde. Os seus colegas de governo estão a fazer testes uma vez que a ministra esteve presente no Conselho de Ministros da passada terça-feira, bem como numa reunião interministerial para a coordenação da resposta ao novo coronavírus.

Para além da Moncloa, o positivo de Montero terá consequências também no ministério da Igualdade, onde todas as pessoas que estiveram em contacto com ela estão de quarentena.

No fim de semana, Montero esteve também presente na manifestação do Dia da Mulher, tendo liderado o grupo do Unidas Podemos. A realização do evento foi criticada, tendo em conta a situação sanitária em Espanha, onde até agora o covid-19 já fez 60 mortos e 2188 infetados. É provável que no domingo a ministra já tivesse o vírus.

A ministra começou a sentir sintomas na quarta-feira, tendo logo comunicado o caso às autoridades de saúde e realizado o teste, como a própria explicou no Twitter.

Iglesias também recorreu àquela rede social para explicar que aguarda o resultado do teste e irá participar no Conselho de Ministros à distância, como os restantes ministros. E acrescenta: "Tanto Irene como os pequenos e eu estamos bem".

Espanha regista 84 mortos e quase 3 mil casos

Espanha registou até agora 84 mortos com coronavírus (34 a mais do que quarta-feira) e 2.968 casos confirmados de contaminação (816 mais), segundo a última atualização feita hoje a meio do dia pelas autoridades sanitárias do país.

Quase metade do total de infetados está na região de Madrid (1.388), que é a comunidade mais afetada juntamente com o País Basco (346), Catalunha (260) e La Rioja (205).

Os dados de casos positivos para as restantes comunidades são: Andaluzia (115), Castela- Mancha (115), Valência (94), Castela e Leão (92), Navarra (73), Aragão (64), Canárias (51), Astúrias (47), Galiza (35), Múrcia (26), Baleares (22), Extremadura (19) e Cantábria (16).

As cidades espanholas no norte de África, Ceuta e Melilla, ainda não têm casos confirmados.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG