McCain apoia manutenção dos militares transgénero nas forças armadas

O senador eleito pelo Arizona defendeu que qualquer efetivo militar, incluindo os que são transgénero, que cumpra os padrões militares, deve ser autorizado a integrar as fileiras

O senador republicano John McCain informou que apoia a proposta legislativa que visa impedir o governo de Donald Trump de excluir das forças armadas os militares transgénero.

Em declaração divulgada hoje, o senador eleito pelo Estado do Arizona defendeu que qualquer efetivo militar, incluindo os que são transgénero, que cumpra os padrões militares, deve ser autorizado a integrar as fileiras.

Em agosto, Trump ordenou que o Pentágono prolongasse indefinidamente uma proibição de indivíduos transgénero integrarem os efetivos militares.

Deu também seis meses ao secretário de Defesa, Jim Mattis, para apresentar uma política sobre "como resolver" a situação dos que se encontram a prestar serviço militar, deixando a porta aberta a que permanecessem nas forças armadas.

A proposta que McCain apoia garante que não são expulsos.

A proposta é também apoiada pelos senadores Kirsten Gillibrand, de Nova Iorque, Susan Collins, do Maine, e Jack Reed, de Rhode Island.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG