Jeremy Hunt ultrapassa Boris Johnson como favorito para primeiro-ministro

61% dos militantes do Partido Conservador britânico preferem o atual ministro dos Negócios Estrangeiros ao seu antecessor na pasta para suceder a Theresa May no N.º 10 de Downing Street

Jeremy Hunt ultrapassou pela primeira vez Boris Johnson na corrida para a liderança do Partido Conservador, segundo uma sondagem realizada pelo instituto YouGov para o jornal britânico The Times. 61% dos militantes conservadores preferem o atual ministro dos Negócios Estrangeiros para suceder a Theresa May no cargo de primeiro-ministro do Reino Unido, 55% consideram que o ex-chefe da diplomacia britânica era a melhor pessoa para o N.º 10 de Downing Street.

Apesar de acharem que Hunt daria um melhor primeiro-ministro do que Johnson, são mais os militantes conservadores a dizer que gostam mais do atual governante (48%) do que do ex-governante (39%). Esta é a primeira sondagem a refletir a queda de Boris depois das notícias sobre a sua altercação doméstica com a namorada Carrie Symonds. E das múltiplas entrevistas que deu na semana passada, tentando pôr água na fervura, tentando expor as suas ideias sobre o Brexit. Enquanto Boris admite um No Deal Brexit a 31 de outubro, Hunt, por sua vez, prefere uma saída com acordo.

A eleição do futuro líder dos Conservadores está agora na mão dos 160 mil militantes do partido, devendo o resultado da votação, feita por correio, ser conhecido no dia 22 de julho. O nome do sucessor de May é anunciado dia 23. No dia seguinte a primeira-ministra demissionária abandona o N.º 10 de Downing Street e é substituída.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG