Ivanka Trump vai representar pela primeira vez os EUA em Berlim

Filha do presidente dos EUA marcará presença em encontro sobre participação feminina na economia mundial

É a primeira vez que Ivanka Trump, a filha do presidente dos EUA, vai representar o pai e o país num evento no estrangeiro: segundo a Associated Press, Ivanka estará presente no mês que vem em Berlim, Alemanha, num encontro pelo empoderamento das mulheres.

A notícia foi avançada pela AP e a própria Ivanka utilizou o link da notícia para dar conta dos planos no Twitter: "Ansiosa para trabalhar em conjunto em Berlim no próximo mês para promover o papel das mulheres na economia e o futuro da nossa força de trabalho globalmente", escreveu na rede social, acrescentando a hashtag #W20 - o grupo que conta com organizações não-governamentais, empresárias e cientistas que se batem por um papel mais relevante das mulheres na economia e procura dialogar com os líderes do G20.

Ivanka irá juntar-se a quatro delegados dos EUA no encontro que, este ano, vai focar-se na participação feminina no mercado de trabalho e no acesso ao financiamento por parte das mulheres empresárias. Procurar-se-á igualmente diminuir o "fosso digital" entre homens e mulheres, indica o programa.

A chanceler alemã Angela Merkel será uma das convidadas para participar num dos painéis da cimeira, a terceira do W20.

Ainda que não tenha qualquer papel oficial na Casa Branca, Ivanka Trump vai ter um gabinete na residência oficial do presidente dos EUA mas, segundo a CNN, não receberá qualquer remuneração nem será, tecnicamente, uma funcionária da administração norte-americana.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG