Tiroteio em Toronto fez três mortos e 12 feridos

Três pessoas morreram (uma delas o atirador) e 12 ficaram feridas num tiroteio num bairro de Toronto, no Canadá.

Uma jovem que tinha sido dada como ferida em estado grave acabou por falecer, tendo aumentado o número de vítimas mortais do atirador para dois.

Segundo o chefe de polícia Saunders, "há a registar 14 vítimas baleadas com uma arma de fogo. Uma mulher adulta morreu. Uma jovem está em estado crítico", pode ler-se na publicação.

Segundo os media locais, o atirador foi morto depois de abrir fogo contra a polícia.

O tiroteio teve lugar por volta das 22:00 de domingo (03:00 em Lisboa).

Testemunhas disseram que ouviram entre 15 e 20 tiros e viram vários feridos deitados no chão de um restaurante, segundo o jornal Toronto Star.

O primeiro-ministro de Ontário, Doug Ford, lamentou o incidente na rede social Twitter e classificou-o como um "ato horrível de violência armada em Toronto", sublinhando que os seus pensamentos estão com as vítimas e os seus seus entes queridos.

Toronto foi recentemente palco de um aumento na violência armada, principalmente por gangues.

Desde o início do ano, Toronto registou 212 tiroteios que mataram 26 pessoas, em comparação com os 188 tiroteios e as 17 mortes por arma de fogo no mesmo período do ano passado.

Ler mais

Exclusivos