Pilotos do Boeing 737 Max 8 tinham 40 segundos para inverter queda

Simulações mostraram que a falha de um sensor só dava 40 segundos para evitar queda de aviões. Pilotos não estavam familiarizados com o sistema.

Numa simulação do voo da Lion Air que se despenhou no mar de Java em outubro do ano passado provocando a morte a 189 pessoas os pilotos de testes descobriram que tinham menos de 40 segundos para ultrapassar o sistema automático dos Boeing 737 Max 8 e evitar o acidente.

Nos testes foi simulada uma situação de crise semelhante à que os investigadores suspeitam ter acontecido no avião da Lion Air tendo detetado a falha de um sensor. Quando isso aconteceu, os pilotos tiveram poucos segundos para desligar o sistema e evitar um mergulho irrecuperável da aeronave. Embora as investigações continuem, a atenção das autoridades está focada no sistema automático, conhecido como MCAS.

Neste momento ainda não foi possível determinar o que aconteceu nos desastres da Lion Air (em outubro de 2018) e no da Ethiopian Airlines em Adis Abeba (Etiópia) em que morreram 157 pessoas - ambos com o Boeing 737 Max 8. De acordo com o que já foi apurado os pilotos da Lion Air tinham recebido pouco treino sobre este sistema e durante os minutos finais do voo o capitão ainda procurou num manual técnico explicações para o que estava a acontecer.

Entretanto, a Boeing reconheceu a existência de problemas com o software e estará a trabalhar numa atualização que dará aos pilotos mais controle sobre o sistema tentando, assim, que exista uma menor probabilidade de acontecer situações como a dos dois voos referidos.

Atualmente existem procedimentos que possibilitam neutralizar o MCAS, como a hipótese de os pilotos poderem inverter a queda do avião usando um interruptor que lhes pode garantir mais alguns segundos para tentar encontrar a anomalia.

Nas simulações agora efetuadas, os pilotos seguiram estes procedimentos e conseguiram pousar em segurança, mas tinham na sua posse mais informações sobre o sistema do que as tripulações dos dois aviões que se despenharam.

Exclusivos