Menu da primeira refeição no Titanic leiloado por 100 mil libras

Só existia mais uma ementa igual, mas estava incompleta

Um menu da primeira refeição servida a bordo do Titanic foi arrematado por 100 mil libras (cerca de 114 mil euros) num leilão da empresa Henry Aldridge&Son, este sábado, em Wiltshire, no Reino Unido.

O almoço, compoto por um consommé mirette, molejas e cordeiro, foi servido aos oficiais no primeiro dia de testes no mar, a 2 de abril de 1912 - o Titanic saiu do porto de Southampton a 10 do mesmo mês e naufragou quayro dias depois.

A ementa, segundo a BBC, pertenceu ao Segundo Oficial Charles Lightoller, o membro mais antigo da tripulação que sobreviveu, e que ofereceu a carta à mulher no dia da partida do Titanic.

Segundo o leiloeiro Alan Aldridge é "um dos cardápios mais raros da história" e foi vendido a um colecionador britânico.

Foram ainda arrematadas mais peças do navio naufragado: uma chave de uma das salas, que foi vendida a um colecionador do Texas por 78 mil libras e um distintivo de um comissário de bordo, que morreu afogado, foi vendido por 57 mil libras. O emblema pertencia a Thomas Mullen e foi encontrado com o seu cadáver.

"Estamos muito satisfeitos com os resultados do leilão e achamos que a raridade dos objetos se reflete nos preços que ilustram o fascínio contínuo com a história do Titanic", disse Andrew Aldridge, da leiloeira.

Segundo o leiloeiro, os objetos foram comprados por colecionadores de "todos os quatro cantos do globo".

No dia 2 de abril, no primeiro dia de testes no mar, oficiais e tripulantes do Titanic desfrutaram da sua refeição servida no salão de jantar principal antes dos passageiros embarcarem.

Apenas um outro menu com a refeição do dia 2 de abril pode ter sobrevivido, e terá que pertencido ao Quinto Oficial do Titanic, Harold Lowe, de acordo com Aldridge.

"Ele escreveu uma anotação no fundo: 'esta é a primeira refeição servida a bordo', mas a parte inferior do cardápio do Lowe foi removida", explicou o leiloeiro. "[o menu de Charles Lightoller] é o único exemplo completo que existe atualmente", frisou.

A ementa de Harold Lowe foi vendida em leilão por 28 mil libras, em 2004.

Exclusivos