Índia desloca crocodilos da maior estátua do mundo. E irrita ambientalistas

Autoridades indianas garantem que decisão foi tomada "por razões de segurança". A cada vez maior afluência de visitantes ao monumento de Sardar Vallabhbhai Patel obrigou a novas estratégias de gestão de fluxos por parte do Governo.

É a estátua mais alta do mundo - tem 182 metros de altura e estima-se que o dobro do peso da conhecida Estátua da Liberdade (em Nova Iorque) -, situa-se na Índia e junto a ela moram... crocodilos. Contudo, não por muito tempo. Segundo a BBC, as autoridades indianas começaram a transferir os cerca de 300 répteis que estavam instalados num reservatório próximo da estátua de Sardar Vallabhbhai Patel, o herói da independência do país, para dar lugar a um serviço de hidroaviões para o visitantes do monumento. No entanto, a decisão não agradou ambientalistas.

A figura em bronze do antigo vice-primeiro-ministro da Índia, localizada a cerca de 200 quilómetros da principal cidade do estado de Gujarat, Ahmedabad, é uma das maiores atrações turísticas na Índia, mas não é fácil para os curiosos lá chegar. Não há comboio para o local e a maioria dos visitantes chega através de autocarros.

O governo do estado decidiu criar um serviço de transporte através de hidroaviões, para fazer face ao aumento do fluxo de turistas. E, de acordo com um responsável pela autoridade florestal local, Anuradha Sahu, a retirada dos crocodilos daquela zona surge "por razões de segurança".

Todos os animais, alguns deles com três metros de comprimento, estão a ser atraídos para jaulas de metal e a ser transportados para outros lugares no estado de Gujarat. Mas os ambientalistas não demoraram a criticar o plano.

Em entrevista ao jornal Times of India, o diretor do Centro de Ciência da Comunidade, Jitendra Gavali, disse que a decisão de remover os animais representa uma violação da legislação de proteção da vida selvagem do país. "O governo está a perturbar o seu habitat e a colocar as suas vidas em risco. Além disso, não pensou onde vai libertar os crocodilos capturados em segurança", sublinhou.

Também um editor da revista de vida selvagem Sanctuary Asia, Bittu Shagal, se apressou a criticar a decisão do Governo. "Perdemos a cabeça?", escreveu na sua conta de Twitter.

Inaugurada em outubro do ano passado, a estátua de Sardar Patel foi encomendada ainda em 2010 pelo primeiro-ministro indiano Narendra Modi (assim como o homem que dá rosto ao monumento, também ele nascido em Gujarat), na altura a exercer funções como ministro-chefe deste estado.

O seu partido, o Partido Bharatiya Janata (BJP), agarrou-se à imagem de Patel, nos últimos anos, como forma de representação dos seus ideais e para reivindicar o legado que este deixou ao estado.

Sardar Vallabhbhai Patel ficou conhecido como o "Homem de Ferro da Índia" depois de ter conseguido persuadir os estados rivais a unirem-se e a integrarem o estado indiano após a declaração de independência.

Ler mais

Exclusivos