Furacão Dorian provocou desastre ambiental por derramamento de petróleo

Os fortes ventos arrancaram as tampas de tanques petrolíferos na Grande Bahama, mancha negra pode contaminar água potável a qualquer momento.

Seis tampas de tanques de petróleo a poucos quilómetros da vila de High Rock, nas Bahamas, voaram devido à força do vento do furacão Dorian, originando depois o derramamento de petróleo, que contaminou a vegetação ao longo de vários quilómetros,

Joseph Darville, presidente da organização ambiental Waterkeepers, admitiu que a água potável poderá ser contaminada a qualquer momento, uma vez que "o lençol freático encontra-se a apenas um metro da superfície", razão pela qual a população da Grande Bahama foi avisada para não beber água.

As fortes chuvas previstas para os próximos dias aumentam o estado de alerta relativamente à possibilidade de vazamento nos tanques que estão abertos, até porque a equipa de manutenção das instalações petrolíferas enfrentam uma situação de destruição que é "complexa e difícil".