Aeroporto de Roma encerrado devido a incêndio

Aeroporto de Ciampino usado pela Ryanair, foi encerrado devido a incêndio no terminal que começou pelas oito da manhã desta terça-feira.

O aeroporto de Ciampino, em Roma, que é usado pela low cost Ryanair, foi encerrado esta terça-feira devido a um incêndio no terminal, informou a companhia, citada pela agência Reuters.

"O aeroporto foi encerrado por precaução", explicou uma porta-voz dos Aeroportos de Roma.

Segundo o jornal italiano La Repubblica, o fogo começou pelas oito da manhã (menos uma hora em Lisboa) e os passageiros na zona das partidas foram imediatamente retirados do local e deslocados para uma zona no exterior do aeroporto. Foram avisados antes que soasse o alarme de incêndio e a evacuação terá decorrido de forma ordeira, adianta o mesmo jornal.

Pelo menos sete voos foram já desviados para o outro aeroporto de Roma, o aeroporto de Fiumicino. O incêndio já foi dominado e, até ao momento, não há registo de feridos.

Segundo a agência Reuters, aproximadamente pelas onze da manhã (menos uma hora em Lisboa), o aeroporto de Ciampino foi parcialmente reaberto, depois do alerta de incêndio no terminal.

Os bombeiros italianos apagaram o "início de um fogo", disse uma porta-voz dos Aeroportos de Roma, acrescentando que a área de desembarque estava agora a funcionar dentro da normalidade. No entanto, a área de partidas ainda estava fechada e não iria estar completamente desimpedida a tempo da reabertura, ainda que parcial, do aeroporto de Roma.

Em atualização

Exclusivos