Incêndio num armazém na Coreia do Sul causa pelo menos 38 mortos

Um incêndio num armazém na Coreia do Sul provocou esta quarta-feira pelo menos 38 mortos e dez feridos, oito deles em estado grave, indicaram fontes dos bombeiros sul-coreanos.

Segundo os bombeiros, escreve a agência noticiosa sul-coreana Yonhap, o sinistro ocorreu em Icheon, 80 quilómetros a sudeste de Seul, num edifício de quatro andares, em construção, e propagou-se "muito rapidamente", impedindo a retirada de pessoas no interior, desconhecendo-se quantas ainda lá estão.

O chefe dos bombeiros da cidade, Suh Seung-hyun, referiu que se admite que o incêndio poderá ter sido provocado pelo facto de pequenas gotas de óleo terem sido inadvertidamente inflamadas, estando uma investigação em curso para determinar as causas exatas do fogo.

Testemunhas, citadas pela agência France Presse, deram conta de terem ouvido dez explosões.

O Presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, ordenou a mobilização de todos os recursos necessários para salvar as pessoas que ainda se encontram bloqueadas no interior do edifício.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG