Homem mais rico do mundo divorcia-se depois de 25 anos de casamento

CEO da Amazon e escritora anunciaram o fim do seu casamento através do Twitter.

Jeff Bezos e MacKenzie Bezos anunciaram o divórcio, depois de 25 anos de casamento. O CEO da Amazon e homem mais rico do mundo, segundo a Bloomberg Billionaire, e autora de livros como The Testing of Luther Albright e Traps fizeram uma publicação conjunta na rede social Twitter onde anunciaram que iam seguir as suas vidas "como amigos".

"Depois de um período de exploração amorosa e separação, decidimos divorciar-nos e continuar as nossas vidas como amigos", refere o comunicado publicado pelo agora ex-casal.

Jeff Bezos, de 54 anos, fundou a Amazon há 25 anos e esta semana viu a sua empresa ultrapassar a Microsoft no topo da lista das empresas mais valiosas do mundo. Tem uma fortuna avaliada em mais de 118 mil milhões de euros.

MacKenzie Bezos, de 48 anos, é autora de vários romances psicológicos, nenhum deles editado em português, mas disponíveis em Portugal.

O casal conheceu-se em 1993, depois de uma entrevista de trabalho. Casaram poucos meses depois. No ano passado, lançaram um projeto de solidariedade em conjunto, o Day One Fund, que visa ajudar famílias sem-abrigo e construir creches e jardins de infância para as comunidades mais pobres.

"Sentimo-nos incrivelmente afortunados por nos termos encontrado e profundamente gratos por cada um dos anos em que estivemos casados", escrevem no anúncio da separação. Pais de três filhos, garantem que "apesar dos rótulos serem diferenets, permaneceremos família e amigos queridos".

Exclusivos

Premium

Vida e Futuro

Formar médicos no privado? Nem a Católica passa no exame

Abertura de um novo curso de Medicina numa instituição superior privada volta a ser chumbada, mantendo o ensino restrito a sete universidades públicas que neste ano abriram 1441 vagas. O país está a formar médicos suficientes ou o número tem de aumentar? Ordem diz que não há falta de médicos, governo sustenta que "há necessidade de formação de um maior número" de profissionais.