Congressistas a favor do lóbi das armas retaliam contra Delta Airlines

Os congressistas do Estado da Geórgia favoráveis ao lóbi das armas recusaram uma proposta de redução de impostos sobre o combustível para aviões, penalizando assim a Delta, que cortou relações com a NRA.

Os legisladores rejeitaram uma lei que teria poupado milhões de euros à companhia aérea, poucos dias depois de a Delta ter reagido ao massacre da escola na Florida, decidindo não oferecer mais descontos aos membros da National Rifle Association (NRA).

A Delta, com sede em Atlanta e com 33 mil funcionários na Geórgia, teria sido o principal beneficiário da nova lei que pouparia 38 milhões de dólares por ano (cerca de 31 milhões de euros) às companhias aéreas.

A batalha política no congresso da Geórgia foi a mais recente do debate sobre o controlo de armas e a segurança escolar que foi despoletado após o tiroteio de 14 de fevereiro em Parkland, Flórida, no qual 17 estudantes e educadores morreram.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG