Filho de Muhammad Ali detido no aeroporto dos Estados Unidos

Muhammad Ali Jr. terá sido interrogado durante mais de duas horas, questionado sobre origens muçulmanas

Um advogado amigo da família de Muhammad Ali afirmou que o filho da lenda do boxe foi detido no aeroporto da Florida por funcionários da imigração que lhe perguntaram se era muçulmano.

Chris Mancini contou ao Courier-Journal, em Louisville, Kentucky, que Muhammad Ali Jr., de 44 anos, e a sua mãe, Khalilah Camacho-Ali, a segunda mulher de Muhammad Ali, chegaram ao aeroporto internacional de Fort Lauderdale a 07 de fevereiro, após regressarem da Jamaica.

Segundo Mancini, as autoridades questionaram Ali Jr. durante quase duas horas, perguntando-lhe repetidamente: "De onde é que vem o teu nome? É muçulmano?"

De acordo com o amigo da família, os funcionários continuaram a fazer perguntas a Ali Jr. mesmo depois de ficarem a saber que era muçulmano.

Ali Jr. nasceu em Filadélfia e tem passaporte norte-americano.

Funcionários da Agência de Alfândegas e Controlo de Fronteiras (CBP) afirmaram que "não podem discutir [casos] de viajantes individuais", argumentando que "todos os viajantes internacionais que chegam aos Estados Unidos estão sujeitos à inspeção do CBP".

Exclusivos