Ex-vice miss Bumbum que diz ter tido relação com Ronaldo será assessora parlamentar

A hoje evangélica Andressa Urach, que alega ter tido relação com craque português, foi vice Miss Bumbum em 2012 e publicou livro onde revelou ter sido prostituta e praticado zoofilia, vai trabalhar com deputado pastor da IURD

Andressa Urach, ex-modelo de 31 anos, que se tornou conhecida por publicitar um suposto romance com Cristiano Ronaldo, vai ser assessora parlamentar de um deputado e pastor da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), na assembleia legislativa do Rio Grande do Sul.

Hoje evangélica, a ex-modelo é conhecida no Brasil por ter sido eleita vice miss Bumbum num concurso em 2012, por ter participado em reality shows com celebridades e por ter escrito um best seller sobre a sua vida, chamado Morri Para Viver, onde revelava ter sido abusada na infância, ter praticado zoofilia e incesto, trabalhado como prostituta de luxo e praticado magia negra.

"A Andressa faz um trabalho maravilhoso com a comunidade, inclusive nas prisões, falando da história dela, dando os depoimentos das mudanças de vida que ela teve, inclusivamente de uma biografia que ela escreveu e que vendeu mais de 1,5 milhões de livros", justificou Sérgio Peres, o parlamentar gaúcho eleito pelo PRB.

Pelas redes sociais, Urach, que chegou a ficar em coma após operação plástica em 2014, destacou o início de seus trabalhos na Assembleia Legislativa do estado. "Estou muito feliz e queria compartilhar com vocês, pois eu amo cuidar das pessoas". A futura assessora, que atualmente é evangélica, faz citações bíblicas constantes na internet e cursa enfermagem, irá receber salário mensal de perto de dois mil euros.

em São Paulo

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG