Gémeos siameses nascem em zona de guerra na Síria

Nawras e Moaz nasceram em julho. Médicos sírios pediram ajuda à OMS: bebés não sobrevivem se não forem operados

Uma mulher síria deu à luz numa zona de guerra dois gémeos siameses, ligados pelos intestinos, revelou o Crescente Vermelho Árabe Sírio nas redes sociais.

Nawras e Moaz nasceram na cidade de Douma no passado mês de julho, mas o caso só agora foi tornado público pela organização de ajuda humanitária. Segundo a BBC, médicos sírios pediram a ajuda da Organização Mundial de Saúde para tratar as bebés, que morrerão se não forem submetidas a uma cirurgia.

Segundo a estação britânica, os gémeos foram já transferidos de ambulância para um hospital nas imediações de Damasco, a capital da síria. A mãe e uma tia acompanham-nos.

A cidade de Douma fica a norte de Damasco e tem sido alvo de intensos ataques desde que a guerra na Síria começou; os cercos a que tem sido sujeita pelos rebeldes tem dificultado a entrada de ajuda humanitária no local, que o Crescente Vermelho Árabe Sírio procura assegurar.

As imagens dos gémeos siameses foram partilhadas nas redes sociais, segundo a organização, para chamar atenção para o drama vivido na região e para a necessidade de donativos que permitam continuar a prestar auxílio aos residentes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG