Detidos 283 presumíveis membros do Estado Islâmico

A polícia também apreendeu 66 engenhos explosivos improvisados

As autoridades da Turquia anunciaram hoje que foram detidos 283 presumíveis membros do grupo autoproclamado de Estado Islâmico (EI) nos últimos 11 dias em todo o país.

As operações policiais começaram a 22 de outubro e estenderam-se até ao dia 01 de novembro, em 25 das 80 províncias do país, e pelo menos 187 detidos têm nacionalidade estrangeira, segundo um comunicado da Direção de Segurança turca.

As autoridades turcas intercetaram 66 artefactos explosivos de fabricação artesanal, dois quilos de material em pó ainda não identificado, oito pistolas, 405 balas, três espingardas de caça e uma grande quantidade de documentos da organização.

O EI tem sido apontado como autor de uma série de ataques mortíferos na Turquia que fizeram mais de 300 mortos desde 2015.

Estima-se que cerca de 900 militantes do EI regressaram para a Turquia depois de terem lutado na Síria, segundo o jornal Hürriyet Daily News.

Além de combater as células do grupo extremista no seu território, a Turquia lançou uma operação militar no norte da Síria em agosto de 2016 para eliminar a presença do EI da zona fronteiriça após um atentado suicida.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG