Criança de 5 anos entre os 708 mortos no Reino Unido

Já são mais de 4300 as vítimas mortais no Reino Unido. O número de infetados ultrapassou os 41 900.

O número de mortes de pessoas infetadas com covid-19 aumentou em 708 nas últimas 24 horas no Reino Unido, o que representa uma subida de 20%, fazendo o total subir para 4 313, informou este sábado o ministério da Saúde britânico.

O número de casos de pessoas diagnosticadas com a doença também aumentou em 3 735 desde sexta-feira, para 41 903, acrescentou a mesma fonte, na atualização feita esta tarde.

Entre os mortos, encontram-se sete profissionais de saúde e e um rapaz de cinco anos que, segundo as autoridades, sofria de outros problemas de saúde. Esta foi a mais jovem vítima até ao momento na Inglaterra.

Na sexta-feira, o balanço diário tinha registado mais 684 mortes e mais 4 450 novas infeções relativamente ao dia anterior.

Os números das mortes referem-se a pacientes que morreram no hospital e que foram diagnosticados com covid-19 e são compilados a partir de dados das direções regionais de Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte registados até às 17:00 horas da véspera. O número de pessoas infetadas é contabilizado de forma diferente e inclui os diagnósticos feitos até às 9:00 horas de hoje. Estas estatísticas não incluem mortes fora do hospital, como aquelas registadas em lares de idosos, e o registo dos óbitos pode demorar mais tempo, pelo que algumas mortes podem não ser incluídas no balanço diário, refere o Ministério da Saúde.

O ministro de Estado, Michael Gove, sublinhou a necessidade de os britânicos ficarem em casa, uma vez que os números relativos à infeção irão permanecer elevados "durante várias semanas" se as pessoas não cumprirem as regras de distanciamento social.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG