Cobras venenosas estavam dentro de encomendas num posto de correios na Austrália

Ao todo, autoridades australianas intercetaram 94 répteis em recipientes que não eram seguros

As autoridades australianas encontraram 94 répteis, incluindo cobras altamente venenosas, dentro de seis encomendas num posto de correios em Kargoolie, uma cidade no interior ocidental da Austrália.

De acordo com as autoridades, citadas pelo The Telegraph, as encomendas foram enviadas por contrabandistas que pretendiam vender os répteis no mercado negro do país. Algumas das espécies encontradas poderiam alcançar um valor de venda de aproximadamente 60 mil euros.

As encomendas levantaram suspeitas no posto de correios, tendo sido intercetadas pelas autoridades. Entre os répteis encontrados estavam espécies como a cobra-chicote-do-oeste e o lagarto de cauda curta.

"É cruel e desumano exportar répteis através de encomendas", afirmou Matt Swan, membro das autoridades. "Estes répteis estão sujeitos a temperaturas extremas e isso tem um efeito prejudicial sobre a sua saúde, pode matá-los", acrescentou.

Cinco dos répteis acabaram por morrer após serem descobertos dentro de vários recipientes de plástico. Swan adiantou ainda que os recipientes não eram seguros e as cobras podiam mesmo ter escapado.

"Os répteis representam uma ameaça real e um risco para as pessoas envolvidas no transporte e manipulação das encomendas, e isso podia ter consequência fatais", disse Swan.

As autoridades continuam a investigar o caso na tentativa de encontrar o suspeito de contrabando.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG