Carro voa e "aterra" no primeiro andar de prédio

Os dois ocupantes do veículo só sofreram ferimentos ligeiros

Um carro voou literalmente e foi "aterrar" no primeiro andar de um prédio na Califórnia. Segundo as autoridades, o automóvel voou cerca de 18 metros até ir embater no escritório de uma clínica dentária.

O acidente, que aconteceu por volta das 5h25 da manhã deste domingo, assustou os hóspedes de um motel ao lado, mas a clínica encontrava-se fechada, noticiou o New York Times.

Para remover o carro, o Departamento de Bombeiros de Los Angeles foi obrigado a usar uma empilhadora e uma empresa de demolição especializada.

No veículo, seguiam duas pessoas e uma delas conseguiu sair sozinha, enquanto a outra teve de ser removida pelos bombeiros do interior do automóvel.

À polícia, o motorista, que sofreu apenas ferimentos ligeiros, confessou ter usado drogas antes do acidente. O passageiro também sofreu ferimentos leves.

O veículo foi removido durante a tarde de domingo, mas o buraco gigante causado pelo inacreditável voo ficou como prova de um acidente, no mínimo, insólito.

(Notícia retificada: o veículo entrou no primeiro andar, segundo piso, do edifício)

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG