Caça norte-americano despenha-se. Talibãs reivindicam incidente

Piloto ejetou-se e foi resgatado pelas forças da coligação.

Um avião da Força Aérea dos Estados Unidos F-16 despenhou-se ontem perto de Bagram, a maior base norte-americana no Afeganistão, localizada a cerca de 50 quilómetros de Cabul, informaram as forças norte-americanas em comunicado.

"O piloto, que se ejetou em segurança, foi resgatado pelas forças da coligação, e está a ser examinado pelo pessoal médico", refere a mesma nota.

As forças da coligação vigiam o local do acidente.

Os F-16 destacados na base de Bagram facultam uma monitorização de 24 horas e apoio aéreo às unidades que estão no terreno no Afeganistão.

Os talibãs reivindicaram a autoria do derrube do avião.

Contudo, o comunicado das forças norte-americanas esclarece que o fogo inimigo não teve intervenção no acidente e que a Força Aérea vai investigar as causas.

Quase 13 mil tropas estrangeiras encontram-se estacionadas no Afeganistão no quadro da missão liderada pela NATO de apoio às forças de segurança afegãs no domínio da formação e aconselhamento.

A NATO e os Estados Unidos completaram a missão de combate no Afeganistão no final de 2014, depois de 13 anos de presença militar no país.

Exclusivos