Brexit: Cenário de ausência de acordo "mais provável do que nunca"

Donald Tusk advertiu que um cenário de não acordo na saída do Reino Unido é "mais provável que nunca".

O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, advertiu esta segunda-feira que o cenário de uma ausência de acordo para a concretização da saída do Reino Unido da União Europeia é "mais provável do que nunca".

Na carta-convite dirigida aos chefes de Estado e de Governo da UE para o Conselho Europeu de quarta e quinta-feira em Bruxelas, considerado "o momento da verdade" nas negociações em torno do brexit, Tusk sublinha todavia que o facto de a União Europeia se dever preparar de forma responsável para o cenário de um "não acordo" não significa que não devam ser feitos "todos os esforços" para alcançar o melhor acordo possível para todas as partes.

Estas declarações surgem ao mesmo tempo que a primeira-ministra britânica Theresa May afirmou que um acordo estava mais próximo. Ainda assim, também a governante britânica continua a defender que um não-acordo é melhor que um mau acordo.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG