Bloomberg descarta candidatura à Casa Branca. Podia "levar à eleição de Trump"

Ex-'mayor' de Nova Iorque assume que "não iria ganhar" uma eventual corrida à Presidência dos Estados Unidos

O antigo presidente do município de Nova Iorque Michael Bloomberg anunciou hoje ter decidido não se candidatar, como independente, à Presidência dos Estados Unidos.

Michael Bloomberg, de 74 anos, explicou, num artigo publicado no Bloomberg View, que não se vai candidatar porque "não iria ganhar".

"Há uma grande hipótese de a minha candidatura poder levar à eleição de Donald Trump ou do senador Ted Cruz. Isso é um risco que não posso correr", refere no texto.

"Amo demais o meu país para desempenhar um papel na eleição de um candidato que possa enfraquecer a nossa unidade nacional e escurecer o seu futuro. Por isso, não vou entrar na corrida para a Presidência dos Estados Unidos", acrescenta.

Décima fortuna dos Estados Unidos, segundo a Forbes, Bloomberg estava disposto a gastar milhões numa eventual campanha.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG