Bernie Sanders desiste e declara apoio a Hillary Clinton

Senador democrata acaba de anunciar que ex-secretária de Estado é a candidata do partido às eleições presidenciais de 8 de novembro nos EUA e à sucessão de Barack Obama

"A secretária Clinton ganhou o processo de nomeação democrata", declarou hoje Bernie Sanders aos apoiantes em Portsmouth, no New Hampshire, onde surgiu depois com Hillary Clinton.

"Tenciono fazer tudo o que estiver ao meu alcance para ter a certeza de que ela será a próxima presidente dos Estados Unidos", declarou o senador do Vermont, de 74 anos.

Numa reação quase imediata, Donald Trump, o presumível candidato republicano à Casa Branca, emitiu uma declaração na qual acusa Sanders de pertencer a "um sistema viciado" ao decidir desistir da corrida e dar o seu apoio à ex-secretária de Estado, de 68 anos.

A batalha final parece, assim, que será entre Clinton e Trump. As convenções que vão decidir os candidatos de cada partido realizam-se, do lado do Partido Democrata, entre os dias 25 e 28, em Filadélfia, do lado do Partido Republicano, entre os dias 18 e 21, em Cleveland.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG