Avalanche em Svalbard atinge 10 casas e deixa feridos e desaparecidos

O arquipélago fica dentro do círculo polar ártico e nesta altura do ano não há horas de luz

Várias pessoas estão desaparecidas depois de uma avalanche ter soterrado uma dezena de casas em Svalbard, no Ártico, anunciou este sábado o governo da região norueguesa.

Um porta-voz do governador, Tone Hertzberg, disse que avalanche está provavelmente relacionada com a tempestade que atingiu o arquipélago na sexta-feira à noite.

"Várias pessoas ficaram feridas e foram hospitalizadas. Há pessoas também desaparecidas", refere o governo local num texto publicado no seu site na internet. "Todos os recursos humanos disponíveis estão mobilizados nas operações de salvamento", indica ainda o texto.

A avalanche aconteceu por volta das 11:00 horas locais (10:00 horas em Lisboa) e soterrou uma dezena de casas em madeira, com cores vivas, típicas do arquipélago.

Alojamentos temporários foram instalados na casa da juventude e na igreja de Longyearbyen, a capital de Svalbard, onde são prestados cuidados e ajuda às pessoas atingidas.

O arquipélago fica a mais de 800 km a norte do território continental da Noruega, dentro do círculo polar ártico, e nesta altura do ano não há horas de luz.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG