Autoridades australianas atiram legumes a cangurus que fogem aos incêndios

Mais de uma tonelada de batatas doces e cenouras foram atiradas para alimentar animais famintos e assegurar a recuperação da vida selvagem após os incêndios que estão a afetar o país

O governo de New South Wales (NWS), na Austrália, está a trabalhar para garantir que os cangurus Wallaby afetados pelos incêndios no país sejam alimentados como parte de um esforço para recuperar a vida selvagem após o incêndio, garantiu Matt Kean, ministro da Energia e Meio Ambiente.

As autoridades australianas já atiraram, a partir de helicópteros, mais de uma tonelada de batata-doce e de cenoura em diferentes colónias durante a última semana, disse o ministro, citado pela CNN.

"O fornecimento de alimentos suplementares é uma das principais estratégias que estamos a implementar para promover a sobrevivência e a recuperação das espécies ameaçadas de extinção, como o canguru Wallaby", afirmou Kean. "As avaliações iniciais dos incêndios indicam que o habitat de várias populações importantes como o canguru Wallaby foi queimado. Os cangurus sobreviveram ao incêndio, mas ficaram presos a um número limitado de animais à medida que o fogo destrói a vegetação em redor dos seus habitar", acrescentou.

Além disso, o governo de Nova Gales do Sul está a instalar câmaras para observar o consumo destes alimentos pelos animais.

Desde que começaram, no passado mês de setembro, os incêndios na Austrália devastaram uma área de mais de oito milhões de hectares, o equivalente à área da Irlanda, provocaram a morte a 27 pessoas e estima-se que tenham matado até mil milhões de animais selvagens.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG