Amazon está a despedir centenas de funcionários

A maioria dos despedimentos está a afetar sobretudo a sede da empresa, em Seattle, no estado de Washington, mas tem reflexos globais

A Amazon está a despedir centenas de funcionários, sobretudo em Seattle, onde se situa a sede da multinacional. A notícia é avançada pela estação televisiva norte-americana CNN.

O processo de notificação de funcionários já começou e está a afetar vários departamentos da Amazon, como o das operações de vendas online.

Entretanto, a companhia já confirmou os despedimentos, através de uma declaração enviada à estação televisiva. "Como parte do nosso processo de planeamento anual, estamos a fazer ajustes de pessoal em toda a empresa - pequenas reduções em alguns lugares e contratação agressiva em muitos outros. Para os funcionários afetados, estamos a trabalhar para encontrar postos de trabalho nas áreas para as quais estamos a contratar", diz o documento.

Aparentemente, a empresa não está a procurar reduzir o número total de funcionários, que rondam os cerca de 3900 na sede, em Seattle (estado de Washington), e 12 mil em todo o mundo. A Amazon comunicou que gerou 130 mil empregos no ano passado, num número que ainda não inclui a aquisição da Whole Foods por 13,7 mil milhões de dólares (cerca de 11,2 mil milhões de euros).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG