Nicole Kidman "em sofrimento" após cenas violentas em série

Nicole Kidman revelou as consequências físicas de interpretar uma mulher que sofre de violência doméstica na nova série "Big Little Lies", onde também participam Reese Witherspoon e Shailene Woodley.

Nicole Kidman estreou-se este ano como presença regular numa série televisiva, em Big Little Lies (exibida em Portugal no TV Séries), e confessou à revista Variety que a personagem que agora interpreta "é provavelmente um dos papéis mais difíceis" que já fez. A trama segue a vida de três mulheres "muito competitivas" - Reese Witherspoon e Shailene Woodley juntam-se a Kidman - e os respetivos problemas familiares, que acabam por descambar num homicídio.

A atriz australiana, que dá vida a Celeste Wright, uma mulher que sofre de violência doméstica, revela que a série é filmada de uma forma "muito crua". Por essa razão, Kidman confessa que depois das cenas de discussão, sexo e luta, só quer ficar "simplesmente sossegada e em silêncio" em casa. "Depois de gravarmos algumas das cenas mesmo violentas eu ficava em sofrimento. O meu corpo ficava em sofrimento. Era muito estranho e desconfortável. Não era uma boa sensação, tenho de admitir", conta.

"A verdade é que as mulheres passam por isto mesmo. Quis tocar na verdade da questão e ser autêntica nessas cenas. Portanto, isso era necessário - esse elemento da violência", justificou Nicole Kidman. A mulher de Keith Urban revelou ainda que pretende que "o trabalho fale por si próprio " e que não quer "dissecar muito" aquele papel.

Algumas das cenas de luta entre marido e mulher em Big Little Lies foram tão intensas que Kidman recorreu a uma dupla para coreografar os movimentos. "Existe uma parte no último episódio da série em que consultámos uma dupla para que ela me pudesse mostrar como tinha de fazer. Depois, eu entrava em cena e fazia eu própria aquilo", adianta.

Sobre as diferenças da televisão em relação ao cinema, Kidman salientou o interesse do público sobre a trama à medida que os episódios vão sendo transmitidos e sublinhou a camaradagem da equipa de produção, que se fortalece semana após semana.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG