DN conquista o "selo dourado" da Marca de Excelência

O jornal centenário foi eleito "Marca de Excelência" pelos consumidores, no âmbito da 18.ª edição da Gala Superbrands. Este ano, 37 marcas foram reconhecidas, oito das quais na categoria corporate. O público distinguiu também nomes conhecidos em áreas como a Música, Arte, Ciência e Digital.

O tempo passou, as gerações renovaram-se e o mundo transformou-se. Mas há algo que parece não ter mudado: a relevância do Diário de Notícias (DN) na vida dos leitores. Na 18.ª edição da Gala Superbrands, que reconhece anualmente as marcas mais relevantes no mercado nacional, na perspetiva do consumidor, o centenário voltou a conquistar o "selo dourado", sendo esta a 13.ª vez que é distinguido.

A publicação, que pertence ao Global Media Group, é a única de imprensa escrita a constar da lista, tal como no ano passado. "As Superbrands são um motivo de orgulho e de confiança por parte dos consumidores. Somos uma marca com 158 anos, que não deve viver à sombra do passado, mas sim projetar-se para o futuro e continuar a inovar - e é essa a responsabilidade que este selo nos dá. É também uma forma de fazer com que nos superemos diariamente no nosso trabalho de redação, sempre em busca da notícia e da verdade", refere a diretora do jornal, Rosália Amorim.

Esta tarde, foram 37 as marcas que subiram ao palco do Museu do Oriente, em Lisboa, para receber o galardão e o exemplar personalizado do livro Superbrands, pelas mãos do locutor da RFM Rodrigo Gomes, num evento que juntou mais de 300 profissionais e figuras públicas. Ao longo dos 18 anos, a iniciativa já destacou 185 marcas. Da seleção das marcas de 2022, 16 foram distinguidas em mais de dez edições.

Marcas galardoadas

Na categoria "Marcas Superbrands" foram premiadas 26 entidades, entre as quais se destaca a EDP, que fez o pleno pelo 18.º ano consecutivo. Ageas, Aldi, Altice, Auchan, Banco Montepio, BPI, Branca de Neve, Continente, ERA, Fidelidade, Fnac, Galp, Lusíadas Saúde, Médis, MEO, Mercedes, Multicare, Remax, RFM, RTP, Sacoor, Sapo, SLB e Sport TV foram as restantes. O DN fez parte deste conjunto.

Já as "Marcas Corporate", isto é, dirigidas ao setor empresarial, segmento que se estreou no ano anterior, percorreram domínios como o da Comunicação, Tecnologia, Educação e Finanças. APCER, Caetano Auto, DreamMedia, Efacec, Nova School of Business, SAP, ISQ e Claranet foram as oito galardoadas de 2022.

Uma das novidades desta edição foi a premiação de "Marcas Nacionais", para a qual foram selecionadas pela primeira vez a Padaria Portuguesa, a Vulcano e a MO.

Solidariedade e Personalidades de Excelência

Para além de reconhecer o trabalho desempenhado pelas 37 marcas ao longo do último ano, a organização da Gala Superbrands entregou pela 10.ª vez o prémio especial de "Solidariedade", que distingue projetos e iniciativas de caráter social, com impacto na Comunidade. O galardão recaiu sobre a Associação Corações com Coroa, projeto fundado e presidido por Catarina Furtado, que apoia raparigas e mulheres.

Na categoria de "Personalidades de Excelência", o público português votou nas pessoas que mais se destacaram em áreas como a Música, Arte, Ciência e Digital. Joana Vasconcelos foi eleita na categoria de Arte, a cantora Mariza em Música, Isabel Ferreira na Ciência e Helena Coelho como Influencer.

Mariana Coelho Dias é jornalista do Dinheiro Vivo

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG