A primeira página do DN deste sábado

Veja os temas em destaque na edição de 29 de janeiro

DN

"Portugal teve menos mortes neste mês do que em Janeiro de 2017, 2018 e 2019". Esta é a manchete do Diário de Notícias deste sábado. De dia 1 até dia 27 morreram no país 10072 pessoas, menos 1233 do que no mesmo período dos anos pré-covid, mostrando que a grande transmissibilidade atual do vírus não está a ter impacto na mortalidade.

Num dia de reflexão em que, por imperativos legais, não pode haver informação sobre a campanha para as legislativas, o destaque fotográfico nesta primeira página vai para uma iniciativa da Cinemateca de Lisboa, que celebra em fevereiro o centenário do nascimento de três lendas do cinema clássico americano. "A Beleza há 100 anos".

Ainda em foco estão a execução orçamental - "Governo cobrou mais 1,8 mil milhões de euros em impostos e multas do que tinha orçamentado" - e a falta de mão de obra que é "a outra face da crise no turismo", duas notícias que podem ser lidas no suplemento Dinheiro Vivo.

Outros temas:

- Burkina Faso. Primeiro golpe militar do ano em África, o terceiro na vizinhança em menos de dois anos.

- Helena Freitas. "Queremos reforçar o papel de Serralves enquanto palco nacional".

- Brunch com.... Laurent Goater. "Franceses têm de parar de tentar dar lições aos outros para o mundo voltar a admirar a França".

- Dérbi. Veríssimo à procura do primeiro troféu com Amorim à espera da da nona Taça da Liga.