A primeira página do DN de amanhã

Veja os temas em destaque na edição de 30 de novembro

"Médicos intensivistas pedem reforço de pessoas e de equipamento para evitar 'bomba' mais tarde". Esta é a manchete do Diário de Notícias desta terça-feira e remete para a nova fase da pandemia de covid-19.

A taxa de ocupação de camas de UCI ainda é baixa, mas a subida de contágios preocupa, numa altura em que surge a nova variante Ómicron. A Comissão para a Medicina Intensiva alerta para que não se repitam erros do último ano e se avance agora com reforço de profissionais e meios técnicos. Portugal tem 13 casos da variante Ómicron e reforça testes a contactos de infetados.

Em destaque fotográfico nesta edição, a Operação Miríade. Juiz Carlos Alexandre afasta "quadro de conspurcação" das Forças Armadas.

Também em relevo nesta primeira página, a preparação das listas de deputados do PSD para as legislativas, após a reeleição de Rui Rio. "Apoiantes de Rangel antecipam limpeza de deputados nas listas de Rio".

Outros temas:

- CR7 acusa coordenador da France Football. Messi leva a sétima Bola de Ouro, depois de Ronaldo lançar a confusão.

- Ucrânia. Kiev teme invasão russa "num piscar de olhos" e apela a Europa e EUA.

- Verbas para elétricos. No fecho das candidaturas, sobra meio milhão de euros de apoios.

- Reforma. Idade de acesso antecipada três meses devido a mortes por covid.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG