Sonangil Betão investe 2,5 ME em central de betão pronto na ZIL de Sines

A Sonangil Betão vai investir cerca de 2,5 milhões de euros numa central de betão pronto e em instalações de apoio à construção civil na Zona Industrial e Logística de Sines (ZILS), no distrito de Setúbal.

Em comunicado hoje divulgado, a aicep Global Parques adianta que o investimento da empresa do grupo Sonangil vai "criar cerca de 25 postos de trabalho diretos e 10 indiretos nas atividades de apoio".

O objetivo do investimento é "dinamizar este ramo de negócio no concelho de Sines e zonas limítrofes onde a empresa expande a sua atividade".

O lote de terreno onde vão ser construídas a central de betão pronto e as instalações de apoio, cerca de um hectare do loteamento E da Zona 1 da ZILS, vai servir igualmente de "base de apoio" à Sonangil SA, outra empresa do mesmo grupo, "especializada em todo o tipo de construção civil e obras públicas", acrescenta o comunicado.

A empresa Sonangil SA com mais de 50 trabalhadores, acrescenta, vai "satisfazer as necessidades de duas obras já adjudicadas na freguesia de Porto Covo, no concelho de Sines, e no concelho de Alcácer do Sal, no valor aproximado de três milhões de euros".

A empresa Sonangil Betão, que tem orçamentadas outras obras no concelho de Sines e municípios limítrofes, pretende "expandir a sua atividade nesta região", concluiu a aicep Global Parques.

Exclusivos

Premium

Contratos públicos

Empresa que contratava médicos para prisões não pagou e sumiu

O Estado adjudicou à Corevalue Healthcare Solutions, Lda. o recrutamento de médicos, enfermeiros, psicólogos e auxiliares para as prisões. A empresa recrutou, não pagou e está incontactável. Em Lisboa há mais de 30 profissionais nesta situação e 40 mil euros por pagar. A Direção dos Serviços Prisionais diz nada poder fazer.