Povoações serranas de Vale de Cambra recebem música clássica até domingo

As igrejas de Cepelos e Rôge, duas localidades serranas do concelho de Vale de Cambra, recebem até domingo um programa de descentralização cultural que aposta em concertos de música clássica por artistas nacionais e estrangeiros.

Com atuações também no Centro Cultural de Macieira de Cambra, o Classical Music Fest, que arranca hoje, envolve músicos de Portugal, Reino Unido, Colômbia, Coreia do Sul, Canadá e Espanha.

A organização do evento cabe à autarquia e ao pianista Francisco Vilar, que, com origens ligadas a Vale de Cambra, está radicado em Londres e agilizou os contactos entre jovens músicos locais e artistas já com carreira internacional.

No total estão em causa seis concertos de entrada livre que visam levar a música clássica a locais do concelho que, como reconhece a autarquia, "de outra forma não teriam este tipo de oferta cultural".

Segundo a vereadora da Cultura, Daniela Silva, "o objetivo do festival é não só promover a oferta deste estilo musical junto do maior número de pessoas, mas também levá-lo a locais onde, à partida, o acesso a este tipo de música é mais limitado".

Depois de uma primeira edição concentrada nas freguesias de Junqueira e São Pedro de Castelões, a aposta de 2019 é nas igrejas matrizes de Cepelos e Rôge, sendo que a Câmara Municipal tem já a expectativa de, no futuro, projetar o festival "a nível global", alargando-o a todo o território do município.

Quanto ao cartaz do evento, esta noite o Centro Cultural de Macieira de Cambra recebe um concerto de piano a quatro mãos por Nurry Lee (Coreia do Sul) e Dominic Doutney (Reino Unido), seguindo-se no mesmo local uma performance do pianista João Pontes Araújo (Portugal) com a soprano Julieth Lozano (Colômbia).

Para sábado, às 21:30, está previsto para Cepelos o concerto por Francisco Vilar e também um espetáculo pelo quinteto de músicos de Vale de Cambra que integra Bruno Silva na flauta, Joana Soares no oboé, Paula Miranda no clarinete, Bruna Carvalho no fagote e Ricardo Costa na trompa.

O Classical Music Fest de Vale de Cambra despede-se a partir das 17:30 de domingo, em Rôge, num espetáculo com dois momentos: primeiro a atuação do duo de acordeão e saxofone constituído pelo canadiano David Zucchi e pelo espanhol Inigo Mikeleiz Berrade, e depois a performance do Hermes Ensemble, um quarteto ibérico de cordas composto por Afonso Fesch, Sara Silva, Emídio Ribeiro e Miguel Gutierrez.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG