Lista de Prémios da Associação Portuguesa de Museologia - Palmarés 2019

Redação, 24 mai 2019 (Lusa) - A lista completa de uma centena de distinguidos em 27 categorias dos prémios de 2019 da Associação Portuguesa de Museologia (APOM), entregues hoje, no Teatro Miguel Franco, em Leiria, é a seguinte:

- Prémio Museu do Ano - Museu da Fundação Bienal de Arte de Cerveira

Menção Honrosa - Centro de Interpretação do Românico

- Personalidade na Área da Museologia - Investigadoras Manuela Oliveira Martins e Maria Campagnolo

- Prémio Intervenção em Conservação e Restauro - Museu Nacional da Música, Museu de Angra do Heroísmo DRaC, Divisão do Património Móvel, Imaterial e Arqueológico - Direção Regional da Cultura -- Açores, Museu de Marinha

Menção Honrosa - Direção de História e Cultura Militar -- Exército

- Prémio Inovação e Criatividade - Museu de Lamego , Rede de Museus de Oliveira do Bairro, Couto S.A., Museu Carlos Machado

- Prémio Comunicação Online - Museu Municipal de Loulé, Museu Casa da Moeda, A.muse.arte (blogue) - Maria Isabel Rocha Roque, Fundação Côa Parque

- Prémio Aplicação de Gestão e Multimédia - Universidade de Aveiro, Museu do Douro, Museu Casa da Moeda, Centro de Interpretação do Românico

- Prémio Marketing e Merchandising Cultural - Direção Regional de Cultura do Algarve e Museu de Lisboa -- Teatro Romano

Menção Honrosa - Couto S.A.

- Prémio Trabalho Jornalístico/Media - Umbigo Magazine

- Prémio Informação Turística - Pedras Experience, Museu FC Porto, Ecomuseu do Barroso

- Prémio Incorporação - Museu de Cerâmica de Sacavém, Museu da Baleia da Madeira, Arquivo Nacional da Torre do Tombo

- Prémio Estudo sobre Museologia - "Famílias em Museus: Proposta para a Casa-Museu Marta Ortigão Sampaio", de Andreia dos Santos Diogo, e "Fazer a paisagem no Alto Douro Vinhateiro: desafios de um território museu", de Tália Fauvrelle; "Coleção Luís Cangueiro. Da esfera privada ao museu da música mecânica. Contributos para um estudo", de Ana Helena Marques Peixoto Jerónimo.

Menção Honrosa - "Museus de Empresa em Portugal. Estimar o passado como defesa de futuro", de Gabriel Marques Graça

- Prémio Conferências - Virgolino Jorge e Roca Lisboa Gallery

- Prémio Trabalho de Museologia - Núcleo Rural de Coruche - Museu Municipal de Coruche, Centro Interpretativo do Vale do Tua, Museu da 1.ª Demarcação, Centro de Interpretação do Românico

Menção Honrosa - m|i|mo - museu da imagem em movimento

- Prémio Investigação - Direção de História e Cultura Militar - Exército, Museu Municipal de Loulé

Menção Honrosa - Museu do Sporting e Museu Carlos Machado

- Prémio Catálogo - Palácio Nacional da Ajuda, Museu da Música Mecânica e Património Histórico - Grupo de Estudos

Menção Honrosa - Museu da Saúde

- Prémio - Colecionador - Germano de Sousa, Júlia Lourenço e Rosa e Mário Varela Gomes

- Prémio - Coleção Visitável - Museu de Aveiro, Corpo Santo -- Lisbon Historical Hotel e Eurostars Museum Hotel Lisboa

- Prémio - Filme - Museu da 1ª Demarcação e Centro de Interpretação do Românico

- Prémio - Projeto de Educação e Mediação Cultural - Museu de Angra do Heroísmo, Fundação Arpad Szenes - Vieira da Silva, Museu do Papel Moeda

Menção Honrosa - Museu Bordalo Pinheiro e Museu Municipal de Vila Franca de Xira

- Prémio Mecenato - Caixa Geral de Depósitos e Fujitsu

- Prémio Projeto Internacional - Museu de Leiria, Direção de História e Cultura Militar - Exército e Direção-Geral do Património Cultural (DGPC)

Menção Honrosa - Museu de Lisboa e Faculdade de Letras -- Universidade do Porto

- Prémio Cooperação Internacional - Embaixada da República Popular da China, Embaixada do Japão, Embaixada da Roménia, Embaixada de Portugal em França

- Prémio Exposição Temporária - Museu de Cerâmica de Sacavém, Museu Naval de Almada, Museu Calouste Gulbenkian, Direção-Geral do Património Cultural (DGPC), Secretariado Nacional para os Bens Culturais da Igreja

- Prémio Instituição - Câmara Municipal de Belmonte, Novo Banco, Polícia Judiciária

- Menções Especiais para instituições que colocaram em evidência património das suas coleções relacionado com a Segunda Guerra Mundial:

Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Casa Memória dos Exílio, Sociedade Martins Sarmento, Instituto Diplomático/MNE, Museu/Centro de Interpretação de Vilar Formoso, Museu do Brincar, Museu da Farmácia, Museu Judaico de Lisboa, Museu Nacional da Música

- Prémio Parceria - Museu FC do Porto, Museu da Farmacia, WAS -- World Association for Sexual Health, SPSC - Sociedade Portuguesa de Sexologia Clínica, SPA - Sociedade Portuguesa de Andrologia

Menção Honrosa - Fundação Arpad Szenes - Vieira da Silva, Amoreiras Shopping Center, Museu da Música Mecânica, Museu do Fado

Exclusivos

Premium

Maria Antónia de Almeida Santos

Uma opinião sustentável

De um ponto de vista global e a nível histórico, poucos conceitos têm sido tão úteis e operativos como o do desenvolvimento sustentável. Trouxe-nos a noção do sistémico, no sentido em que cimentou a ideia de que as ações, individuais ou em grupo, têm reflexo no conjunto de todos. Semeou também a consciência do "sustentável" como algo capaz de suprir as necessidades do presente sem comprometer o futuro do planeta. Na sequência, surgiu também o pressuposto de que a diversidade cultural é tão importante como a biodiversidade e, hoje, a pobreza no mundo, a inclusão, a demografia e a migração entram na ordem do dia da discussão mundial.

Premium

Maria do Rosário Pedreira

Os deuses das moscas

Com a idade, tendemos a olhar para o passado em jeito de balanço; mas, curiosamente, arrependemo-nos sobretudo do que não fizemos nem vamos já a tempo de fazer. Cá em casa, tentamos, mesmo assim, combater o vazio mostrando um ao outro o que foi a nossa vida antes de estarmos juntos e revisitando os lugares que nos marcaram. Já fomos, por exemplo, a Macieira de Cambra em busca de uma rapariga com quem o Manel dançara um Verão inteiro (e encontrámo-la, mas era tudo menos uma rapariga); e, mais recentemente, por causa de um casamento no Gerês, fizemos um desvio para eu ir ver o hotel das termas onde ele passava férias com os avós quando era adolescente. Ainda hoje o Manel me fala com saudade daqueles julhos pachorrentos, entre passeios ao rio Homem e jogos de cartas numa varanda larga onde as senhoras inventavam napperons e mexericos, enquanto os maridos, de barrigas fartas de tripas e francesinhas no ano inteiro, tratavam dos intestinos com as águas milagrosas de Caldelas. Nas redondezas, havia, ao que parece, uma imensidão de campos; e, por causa das vacas que ali pastavam, os hóspedes não conseguiam dar descanso aos mata-moscas, ameaçados pelas ferradelas das danadas que, não bastando zumbirem irritantemente, ainda tinham o hábito de pousar onde se sabe.