Claranet compra portuguesa ITEN Solutions

A Claranet anunciou hoje que comprou a portuguesa ITEN Solutions, empresa de tecnologia que resultou da fusão da Prológica com a CPCis, o que representa um volume de negócios após a fusão de 92 milhões de euros.

"Esta aquisição é a 21.ª do grupo Claranet e a quinta em Portugal nos últimos três anos, reforçando desta forma a sua estratégia de expansão internacional", refere o grupo tecnológico, adiantando que desta aposta irá resultar "um dos maiores fornecedores de TI [tecnologia de informação] em Portugal, com uma equipa de quase 500 colaboradores, distribuída pelos escritórios da empresa em Lisboa, Porto e Faro".

Segundo a Claranet, o resultado antes de impostos, juros, depreciações e amortizações (EBITDA) resultante desta aquisição ascende a 4,5 milhões de euros.

Em dezembro, a empresa tinha chegado a acordo para a compra da CredibiliT, o que permitiu à tecnológica entrar no Brasil, o primeiro mercado do fora da Europa.

Em 2014, a Claranet tinha comprado a portuguesa Echiron.

A ITEN Solutions é um dos maiores integradores de TI em Portugal e conta com uma experiência de cerca de 30 anos.

"Já provámos, com as aquisições que fizemos nos últimos três anos, que somos capazes de integrar com sucesso novas empresas, incorporando novo 'know-how' [conhecimento] e acelerando o nosso crescimento", afirmou o presidente executivo da Claranet em Portugal, António Miguel Ferreira, citado no mercado.

"A aquisição da ITEN, pela sua dimensão, é uma das mais relevantes de sempre no mercado das TI em Portugal e representa uma nova etapa significativa no nosso plano", acrescentou.

Jorge Queiroz Machado, presidente executivo e fundador da ITEN, vai integrar a nova comissão executiva da Claranet em Portugal e irá liderar as áreas de negócio de tecnologia e talento ('technology & talent') e produtividade no local de trabalho ('workplace productivity').

Fundada em 1996, a Claranet tem sede em Inglaterra e uma presença internacional em sete países, incluindo Portugal.