Alexandre Huns reforça Sporting da Covilhã por empréstimo do Desportivo das Aves

O defesa-central Alexandre Huns, cedido pelo Desportivo das Aves, é reforço do Sporting da Covilhã, que tem também a treinar à experiência o médio francês Makota, revelou hoje à agência Lusa o clube da II Liga de futebol.

Segundo o presidente do clube serrano, José Mendes, o defesa brasileiro chega por empréstimo dos avenses, devendo o Sporting da Covilhã comparticipar o vencimento do jogador.

O treinador Filipe Gouveia, que iniciou na segunda-feira a pré-época, já contou com o esquerdino no apronto de hoje, tal como com Makota, oriundo do futebol grego e que estará durante os próximos dias sob observação.

Alexandre Huns junta-se aos restantes reforços do Sporting da Covilhã: o guarda-redes São Bento (ex-Nacional), os laterais-direitos João Dias (ex-Santa Clara) e Reigones (ex-júnior), o médio ofensivo Fábio Martins (ex-Sporting B), o ala direito Renato Reis (ex-Desportivo das Aves) e o ponta de lança Touré (ex-Bragança).

Ler mais

Exclusivos

Premium

Margarida Balseiro Lopes

Falta (transparência) de financiamento na ciência

No início de 2018 foi apresentado em Portugal um relatório da OCDE sobre Ensino Superior e a Ciência. No diagnóstico feito à situação portuguesa conclui-se que é imperativa a necessidade de reformar e reorganizar a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), de aumentar a sua capacidade de gestão estratégica e de afastar o risco de captura de financiamento por áreas ou grupos. Quase um ano depois, relativamente a estas medidas que se impunham, o governo nada fez.

Premium

Opinião

Angola, o renascimento de uma nação

A guerra do Kosovo foi das raras seguras para os jornalistas. Os do poder, os kosovares sérvios, não queriam acirrar ainda mais a má vontade insana que a outra Europa e a América tinham contra eles, e os rebeldes, os kosovares muçulmanos, viam nas notícias internacionais o seu abono de família. Um dia, 1998, 1999, não sei ao certo, eu e o fotógrafo Luís Vasconcelos íamos de carro por um vale ladeado, à direita, por colinas - de Mitrovica para Pec, perto da fronteira com o Montenegro. E foi então que vi a esteira de sucessivos fumos, adiantados a nós, numa estrada paralela que parecia haver nas colinas.