PJ detém homem que ameaçava vítimas com pistola nas ruas do Porto

Polícia Judiciária conta que o suspeito está "fortemente indiciado pela prática dos crimes de roubo agravado, praticados com recurso a arma de fogo".

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem de 27 anos, com antecedentes criminais e várias referências policiais, suspeito de assaltar pessoas na via pública no Porto, ameaçando-as com uma pistola, foi hoje anunciado.

Em comunicado, a PJ conta que o suspeito está "fortemente indiciado pela prática dos crimes de roubo agravado, praticados com recurso a arma de fogo".

Os factos remontam a 14 e 16 de fevereiro, ao final do dia, quando "o arguido abordou dois transeuntes na via pública e, mediante ameaça, com uma pistola, subtraiu os bens que estes possuíam".

De acordo com a PJ, num dos casos, o homem obrigou a vítima "a fornecer o código multibanco, tendo procedido, posteriormente, a vários levantamentos bancários".

Na outra situação, o suspeito terá coagido a vítima a acompanhá-lo a uma caixa de multibanco para fazer, de imediato, levantamentos em dinheiro.

A PJ acrescenta que o detido tem antecedentes criminais por dano e ofensas à integridade física, bem como várias referências policiais por crimes contra o património.

Sem especificar data, a PJ acrescenta que o suspeito vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG