Tiroteio em corrida de cavalos ilegal faz pelo menos onze mortos no México

Tiroteio terá tido origem num confronto entre grupos rivais de crime organizado, segundo as autoridades mexicanas.

Pelo menos onze pessoas morreram no domingo, num tiroteio, durante uma corrida de cavalos ilegal no norte do México, que se terá devido a um confronto entre grupos rivais de crime organizado, disseram as autoridades.

A troca de tiros aconteceu na cidade de El Sauz, no estado de Chihuahua, sendo que cinco das vítimas morreram de imediato e as outras faleceram já no hospital, disse o secretário de Segurança Pública do estado, Gilberto Loya.

Loya disse que o tiroteio foi resultado de "um confronto entre dois gangues" rivais.

A Procuradoria-Geral do México lançou uma investigação para determinar as causas do incidente.

O estado de Chihuahua, que faz fronteira com os EUA e é um ponto de trânsito habitual para o tráfico de drogas, vive há 15 anos uma intensa onda de violência.

Um total de 411 pessoas foram assassinadas no estado nos primeiros três meses de 2022, segundo dados do governo.

Em fevereiro, nove pessoas foram mortas em Ciudad Juárez, a maior cidade do estado de Chihuahua, durante o funeral de uma vítima de assassinato.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG