Polícia norueguesa mata autor de ataque à faca. Um agente ficou ferido

As autoridades norueguesas neutralizaram o homem que ameaçou várias pessoas com uma faca em Oslo. Um agente da polícia ficou ferido.

A polícia norueguesa informou que atingiu mortalmente um homem que, empunhando uma faca, ameaçou, esta terça-feira, várias pessoas no centro de Oslo, antes de atacar uma viatura que chegou ao local.

Um agente da polícia ficou ferido enquanto decorria a operação para deter o agressor no bairro de Bislett, na capital, disseram as autoridades em conferência de imprensa.

Não foi divulgada nenhuma informação sobre a identidade do indivíduo ou sobre as razões que estiveram na origem deste ataque com recurso a uma faca.

"Não excluímos nenhum motivo, mas não há nada nesta fase que indique que se trata de um ataque terrorista", disse o inspetor de polícia Egil Jorgen Brekke aos jornalistas.

De acordo com o tabloide VG, o homem era um cidadão russo, com cerca de 30 anos e tinha sido condenado a cuidados psiquiátricos em dezembro de 2020 depois de esfaquear um homem em Oslo em 2019.

Imagens partilhadas por testemunhas nas redes sociais, e publicadas por vários órgãos de comunicação noruegueses, mostram o homem em tronco nu a empunhar uma grande faca na rua.

Um carro da polícia foi visto a atingir o homem, empurrando-o contra um prédio numa tentativa de detê-lo. Depois, o indivíduo corre na direção do veículo, abre a porta do lado do passageiro da frente e inclina-se para dentro do carro.

"A polícia tentou atropelá-lo enquanto tentava esfaquear alguém. Ele então atacou a polícia com uma faca ... e tiros foram disparados", disse o chefe da operação policial, Tore Solberg, aos jornalistas.

O autor do ataque com recurso a uma faca foi levado de urgência para o hospital, mas morreu devido aos ferimentos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG