Polícia deteve suspeito de espancar mulher asiática em Nova Iorque

A polícia de Nova Iorque deteve esta quarta-feira uma pessoa suspeita de espancar brutalmente uma mulher asiática de 65 anos, no mais recente caso de uma onda de violência contra essa minoria nos Estados Unidos.

O homem foi acusado de agressão e crime de ódio, disse a polícia numa mensagem publicada na rede social Twitter, mas não divulgou a identidade do suspeito.

Segundo os meios de comunicação norte-americanos, o detido seria Brandon Elliot, de 38 anos. O ataque ocorreu na segunda-feira em plena luz do dia em Manhattan, na cidade de Nova Iorque.

Nas imagens, retiradas de câmaras de vigilância dentro de um prédio próximo à Times Square, é visível uma mulher caminhando quando, de repente, um homem se aproxima da vítima, atira-a ao chão e dá-lhe pontapés várias vezes na cabeça antes de se afastar.

A vítima, cuja identidade não foi divulgada, foi hospitalizada com uma fratura na pélvis e múltiplos ferimentos, adiantou a polícia. O estado da mulher asiática era estável na terça-feira.

A polícia divulgou o vídeo no Twitter e pediu ao público que ajudasse a identificar o autor do crime, tendo sido residentes locais a reconhecer o suspeito e conduzir a polícia ao local onde se encontrava, um edifício para os sem-abrigo, onde o suspeito foi preso, segundo relatos dos meios de comunicação.

Essa mesma unidade da polícia ainda está a procura de outro homem que agrediu uma mulher numa estação de metro de Manhattan na noite de sábado. Outros casos de violência contra esta minoria já foram relatados no país.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG