Pelo menos 10 mortos em barco turístico que naufragou no Japão

A viagem realizou-se apesar das ondas e ventos fortes, que levaram muitos pescadores da zona a voltarem para terra.

Pelo menos 10 pessoas morreram e 16 estão desaparecidas depois de um barco turístico ter naufragado nas águas geladas do nordeste do Japão, informou este domingo a guarda costeira japonesa, adiantando que estão a decorrer buscas pelos desaparecidos.

"Confirmamos a morte de dez pessoas" que já foram encontradas, disse um porta-voz da guarda costeira à AFP.

Em comunicado, esta força adiantou que os corpos encontrados até agora foram identificados como sendo de sete homens e três mulheres.

O barco turístico Kazu I enviou um sinal de socorro no sábado à tarde depois de começar a meter água, numa altura em que se encontrava na região de Hokkaido, na ponta nordeste no Japão.

Logo em seguida começou uma opração de busca e salvamento, mas as esperanças cedo começaram a desvanecer-se para as 26 pessoas que se encontravam a bordo, incluíndo duas crianças e dois elementos da tripulação, devido às temperaturas geladas da região.

O barco tinha iniciado a sua viagem no sábado de manhã para uma visita turística muito popular na Península Shiretoko, uma zona classificada Património Mundial da UNESCO pelo seu ambiente natural e fauna diversa.

A viagem realizou-se apesar das ondas e ventos fortes, que levaram muitos pescadores da zona a voltarem para terra.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG