Nigéria. Sete meninas morrem em naufrágio num rio

Sete raparigas, entre os 10 e os 12 anos, morreram afogadas, na noite de quinta para sexta-feira, na sequência do naufrágio de um barco num rio do estado de Jihawa, no norte da Nigéria, informou hoje a policia local.

O acidente ocorreu quando as crianças voltavam para casa, pelo rio Gasanya, no distrito de Auyo, após uma cerimónia religiosa que assinalou o nascimento do profeta Maomé, disse o porta-voz da polícia de Jigawa, Lawan Shiisu, em um comunicado à imprensa.

"Três delas foram salvas, mas sete morreram", acrescentou Shiisu, citado pela agência AFP.

As raparigas, que estavam "com pressa para voltar para casa", decidiram por volta da meia-noite dirigir sozinhas um barco ancorado na costa deserta, disse o porta-voz da polícia.

Os naufrágios são frequentes nos rios e riachos da Nigéria devido à sobrecarga e falta de manutenção das embarcações, não cumprimento das normas de segurança e ao mau tempo.

Em maio, cerca de 100 pessoas morreram afogadas quando o barco em que navegavam se partiu e afundou no estado de Kebbi, no noroeste do país.

Poucos dias depois, 30 pessoas morreram no naufrágio de outro barco no estado de Níger, no centro do país.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG