"Dupla milagre" sobrevive uma semana no deserto australiano

Os dois indivíduos foram dados como desaparecidos há quase uma semana. Sobreviveram sem água e comida e as autoridades já falam em milagre.

A polícia local fala deste caso como um "milagre absoluto". Dois indivíduos do sexo masculino, um com 21 e outro com 14 anos, sobreviveram sozinhos, sem água e se comida, durante quase uma semana, em pleno outback australiano, região arenosa do interior do país.

Shaun Emitja, o mais velho, e Mahesh Patrick, o mais novo, foram dados como desaparecidos na terça-feira na área de Harts Range, no centro da Austrália. Alegadamente, não terão conseguido regressar a Hermannsburg depois de um fim-de-semana fora.

Alertadas, as autoridades usaram meios aéreos nas buscas e pessoal especializado, acabando por detetar a viatura usada pelo par: um Nissan Navara azul atolado numa estrada.

Temia-se que os dois indivíduos estivessem em perigo, face às condições meteorológicas extremas naquela região, com os termómetros a rondar os 40 graus. No entanto, estes foram encontrados e estão bem.

Mahesh Patrick, de 14 anos, foi encontrado na noite de sexta-feira depois de percorrer 35 quilómetros e além de desidratado tem os pés mal tratados. Shaun Emitja, de 21 anos, foi encontrado um dia depois e aparenta estar bem.

Os dois decidiram separar-se em determinado momento, mas ainda não se percebeu a razão.

As autoridades recomendam que, em caso de incidente no outback australiano, as pessoas não se afastem das suas viaturas e se façam acompanhar de mantimentos e líquidos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG