Calor derrete pistas de aeroportos no Reino Unido

Depois de atrasos nos voos e problemas com as bagagens, é agora o calor a causar problemas nos aeroportos britânicos. Em Luton, junto a Londres, a pista derreteu e voos foram cancelados.

As elevadas temperaturas que se fazem sentir um pouco por toda a Europa fizeram, esta segunda-feira, mais uma vítima: as pistas de aviação do Reino Unido. Esta situação acabou por agravar ainda mais os problemas nos aeroportos britânicos.

Numa publicação na rede social Twitter, a empresa que gere o aeroporto de Luton, nas imediações da capital inglesa, admitiu um problema com o piso da pista, lamentou o sucedido e pediu "desculpa" pela situação. O site FlightRadar 24, por sua vez, mostra que praticamente todos os voos previstos foram cancelados. O último saiu pelas 16h10. Ao que tudo indica, a situação já estará resolvida.

Nas redes sociais, as queixas também aumentaram, com imagens a mostrar um aeroporto lotado por causa de todos os voos cancelados.

Ali ao lado, a pouco mais de 100 quilómetros, na base militar de Brize Norton a pista derreteu, explicou uma fonte militar à cadeia de televisão Sky News.

Devido às temperaturas altas (cujo pico está previsto para terça-feira), o governo britânico ativou pela primeira vez o alerta vermelho, com as autoridades a alertarem para o "perigo de vida". São esperadas temperaturas de 40ºC, um valor pouco comum naquela região do globo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG