Ator brasileiro Jefferson Machado encontrado morto dentro de um baú

Estava desaparecido desde janeiro e foi encontrado morto dentro de um baú, que estava enterrado num terreno, em Campo Grande, na zona oeste do Rio de Janeiro. Está a decorrer uma investigação para apurar as circunstâncias do crime.

O ator brasileiro Jefferson Machado, de 44 anos, estava desaparecido desde 27 de janeiro e foi encontrado morto esta segunda-feira (22 de maio) dentro de um baú de madeira, enterrado num terreno, em Campo Grande, na zona oeste do Rio de Janeiro.

Está em curso uma investigação para apurar os autores do crime e em que circunstâncias ocorreu a morte do ator.

Quatro meses depois de ter sido dado como desaparecido, as autoridades encontraram o corpo do ator, que estava dentro de um baú, enterrado a dois metros de profundidade, num terreno de uma casa em Campo Grande, de acordo com o site G1.

Segundo a polícia, o corpo de Jefferson estava amarrado e em posição fetal no interior do baú. A identificação do corpo só foi possível com recurso à análise das impressões digitais do ator, indica a Globo. O baú pertencia ao próprio Jefferson Machado.

Uma amiga do ator que integrou a novela "Reis" da Record deu conta da morte de Jefferson Machado nas redes sociais. "Foi assassinado fria brutalmente por pessoas invejosas, maldosas e, claro, sem escrúpulos nenhum", escreveu Cintia Hilsendeger na conta de Instagram de Jefferson Machado.

O ator foi dado como desaparecido no final de janeiro após os seus vizinhos na zona oeste do Rio de Janeiro terem alertado uma ONG para o facto de os oito cães de Jefferson Machado estarem ao abandono e em más condições. Foi nessa altura que a família foi avisada.

Durante o tempo em que esteve desaparecido a família terá recebido mensagens de alguém que se fazia passar pelo ator, segundo avança o G1.

Alegado amigo do ator está a ser investigado

Terá sido a mãe do ator a contactar a polícia em janeiro para reportar o desaparecimento do filho. A mãe referiu alterações na forma de comunicar do filho, que, segundo ela, estaria a usar uma linguagem pouco habitual nas mensagens que lhe enviava.

Jairo Magalhães, advogado da família, afirmou ao Diário do Nordeste que a polícia está apontar para o estrangulamento como possível causa da morte.

"O corpo foi encontrado na segunda-feira numa casa em Campo Grande. Está confirmado desde ontem, ao final do dia, pela investigação da Polícia Civil do Rio de Janeiro, que é o corpo é dele. A família já foi avisada", referiu o representante da família do ator.

Já em entrevista ao portal R7, da Record, o advogado indicou que o inquilino da casa onde foi encontrado o corpo de Jefferson Machado está a ser investigado.

Jairo Magalhães disse ainda que o homem seria um amigo do ator e que os dois teriam sido vistos a entrar naquela casa um mês antes do desaparecimento. O advogado acrescentou que a proprietária da casa prestou depoimento às autoridades, não tendo tido contacto com a vítima.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG