Incêndio destrói maior mercado de produtos frescos de Paris

Não há até ao momento registo de feridos e os bombeiros recomendam que as pessoas não se desloquem àquela zona.

DN
© Aurore MESENGE / AFP

Um grande incêndio atingiu parte de um dos maiores mercados de produtos frescos do mundo, nos arredores de Paris, este domingo. O incêndio destruiu um armazém de frutas e legumes no complexo de Rungis, ao sul da capital francesa.

As chamas espalharam-se pouco depois do meio-dia, disseram as autoridades, enviando uma nuvem de fumo escuro sobre os subúrbios a sul da capital.

Uma centena de bombeiros deram o fogo por controlado a meio da tarde e não houve registo de feridos.

O armazém, do tamanho de um campo de futebol, pertencia ao grupo Les Halles Mandar.
"É um choque, mas estamos felizes por não ter havido feridos", disse o dono Shaoul Abramczyk.
"Não poderemos atender os pedidos dos nossos clientes a partir de amanhã (segunda-feira) e durante vários dias", acrescentou.

"Quando um operador de mercado é vítima de uma tragédia desta natureza, todo o mercado é atingido no seu coração", disse o diretor do mercado de Rungis, Stephane Layani.

atualizado às 18.00