Madrid

Guilherme D'Oliveira Martins

Uma questão toponímica…

O Doutor António de Sousa de Macedo (1606-1682) que dá o nome ao largo em que se inicia em Lisboa a Calçada do Combro está longe de ser um desconhecido. É verdade que não foi a literatura que o celebrizou e que Ulissipo - Poema Heroico (1640) é uma obra mitológica sua que hoje quase passa despercebida. Não foi como poeta ou escritor que se singularizou. Alberto Manguel, novo munícipe naquele Largo, conta que perguntou quem conhecia o literato, mas ninguém soube responder.

Opinião

Carolina Coronado

O Palácio da Mitra, em Marvila, albergou a poeta espanhola Carolina Coronado até ao seu falecimento em 1911. Carolina Coronado nasceu em Almendralejo, na província de Badajoz, em 1820. Cremos que, como em tempos romanos, para um estremenho o seu lugar natural, o seu centro nevrálgico, deveria ser Lisboa. Emérita Augusta era, recordemos, a capital da Lusitânia. Hoje, é Lisboa que atrai os estremenhos, está mais perto de Madrid. As capitais políticas são um acrescento institucional que pouco tem que ver com as tendências geográficas, humanas, de um povo. Nada mais natural e lógico do que Carolina Coronado ter elegido Lisboa para os seus últimos 40 anos.

Exclusivo

Entrevista a Miguel Bastos Araújo

"O engenho humano é de uma extraordinária resiliência"

Responsabilizar o consumidor comum, fornecendo-lhe o máximo de informação possível, é uma das chaves para melhorar as perspetivas de futuro da humanidade e do planeta. Mesmo sabendo que não voltaremos a ter o ambiente que os nossos avós conheceram em meados do século XX, o biogeógrafo Miguel Bastos Araújo, considerado um dos maiores especialistas mundiais em áreas como a biodiversidade ou a conservação de ecossistemas, entende que ainda é possível evitar uma catástrofe global.