40 datas para perceber o que esperar do novo ano

O impeachment a Trump e as eleições presidenciais norte-americanas... Por cá, eleições para os líderes do PSD e do CDS... Mas há muito mais neste ano que agora começa e que, inevitavelmente, nos leva a fazer a pergunta: será mesmo desta que o Brexit avança?

Janeiro

Impeachment a Trump
O Senado dos EUA deverá votar em janeiro o impeachment a Trump, depois de a Câmara dos Representantes ter aprovado os dois artigos de destituição do presidente. O processo centra-se na alegada pressão de Trump para que a Ucrânia investigasse o ex-vice-presidente (e candidato às próximas eleições) Joe Biden.

1 janeiro: Ano Internacional do Enfermeiro
No ano em que se comemoram 200 anos sobre o nascimento de Florence Nightingale (a dama da lamparina), a Organização Mundial da Saúde declarou 2020 como o Ano Internacional do Enfermeiro e da Parteira. "2020 será dedicado a destacar os enormes sacrifícios e contributos de enfermeiros e parteiras e a assegurar que seja abordada a escassez destas profissões vitais", justificou o diretor-geral da OMS, Tedros Ghebreyesus.

6 de janeiro: começam as obras no aeroporto de Lisboa
A ANA - Aeroportos de Portugal anunciou que nesta data têm início as obras para a criação de duas saídas rápidas de pista no Aeroporto Humberto Delgado, o que implica o encerramento da infraestrutura entre as 23.30 e as 05.30 até junho. A TAP estima que a perda de receita associada ao período de obras no aeroporto ronde, pelo menos, os 12 milhões de euros.

11 de janeiro: primárias no PSD
Os militantes sociais-democratas com as quotas em dia são chamados a escolher o presidente do partido. Concorrem às diretas no PSD o atual presidente do partido, Rui Rio, o antigo líder parlamentar Luís Montenegro e o vice-presidente da Câmara de Cascais, Miguel Pinto Luz. Uma eventual segunda volta realiza-se a 18. O prazo para a entrega de candidaturas à liderança termina a 30 de dezembro.

11 de janeiro: presidenciais em Taiwan
Os cidadãos de Taiwan elegem o 15.º presidente. A atual presidente de Taiwan, Tsai Ing-wen, venceu as primárias do Partido Progressista Democrático (DPP), pelo que irá tentar ser eleita para um segundo mandato.

12 de janeiro: concertos de Madonna em Lisboa
É a data do primeiro de oito concertos de Madonna no Coliseu dos Recreios, em Lisboa. A rainha da pop volta a atuar nos dias 14, 16, 18, 19, 21, 22 e 23 no mesmo espaço. Estes concertos em solo português marcam o arranque na Europa da tour Madame X, que serve de apresentação ao mais recente álbum de Madonna, intitulado Madame X. Com os bilhetes para quatro concertos a esgotarem em apenas dois dias, Madonna viu-se obrigada a anunciar espetáculos extra.

25 e 26 de janeiro: congresso do CDS
O resultado das eleições de 6 de outubro levaram Assunção Cristas a anunciar que saía da liderança do CDS e que não se recandidataria. Com um resultado eleitoral que diminuiu a representação parlamentar do CDS de 18 para cinco deputados, os democratas-cristãos reúnem-se em congresso a 25 e 26 de janeiro, no Porto. Como candidatos à liderança posicionaram-se o deputado João Almeida, o ex-deputado Filipe Lobo d'Ávila, Abel Matos Santos, da Tendência Esperança em Movimento, Carlos Meira, líder da distrital de Viana do Castelo e, por último, o líder da Juventude Popular Francisco Rodrigues dos Santos.

25 de janeiro: o ano do Rato
O ano novo chinês celebra-se a 25 de janeiro, sob o signo do Rato de Metal - 2019 foi o ano do Porco. Na tradição chinesa, o ano do Rato é considerado um ano de abundância, de oportunidades e projetos.

27 a 31 de janeiro: debate instrutório da Operação Marquês
É a data do debate instrutório da Operação Marquês, que tem como principal arguido o ex-primeiro-ministro José Sócrates. O juiz Ivo Rosa vai ouvir os últimos argumentos da defesa dos 28 arguidos - 19 pessoas singulares e nove coletivas - e da acusação para depois decidir se o caso segue ou não para julgamento. Outros arguidos mediáticos são o ex-banqueiro Ricardo Salgado e o ex-ministro e ex-administrador da CGD Armando Vara. Sócrates é suspeito de 31 crimes - corrupção passiva de titular de cargo político (três), fraude fiscal qualificada (três), branqueamento de capitais (16) e falsificação de documento (nove).

31 de janeiro: será desta o Brexit?
Depois de muitos avanços e recuos, a UE e o governo britânico aprovaram uma nova data para a saída do Reino Unido da comunidade. Em 2016, os britânicos foram chamados a pronunciar-se em referendo, com a vitória do Brexit sobre a manutenção na UE: 48,2% votaram pelo sim e 51,8% pelo não. As eleições de 12 de dezembro deram a maioria absoluta a Boris Johnson, que está determinado em manter esta data.

Fevereiro

7, 8 e 9 de fevereiro: congresso do PSD
O 38.º Congresso do Partido Social Democrata acontece cerca de um mês depois da eleição do líder em diretas. A reunião magna do partido realiza-se em Viana do Castelo.

14 e 15 de fevereiro: eleito novo líder da CGTP
Ao fim de oito anos à frente da CGTP-IN, Arménio Carlos passará a pasta no congresso da central sindical - não pode continuar por causa da regra que impede os dirigentes que passam à reforma durante o mandato de prosseguirem em funções. Entre janeiro e fevereiro, também Ana Avoila vai deixar, ao fim de 13 anos, a liderança da Federação de Sindicatos da Administração Pública da CGTP e a coordenação da Frente Comum.

Março

2 de março: Vaticano abre arquivos de Pio XII
Quando anunciou que ia abrir os arquivos do Vaticano relativos ao pontificado de Pio XII - que apanhou um período da II Guerra Mundial -, o Papa Francisco fez questão de afirmar que a Igreja Católica "não tem medo da história". Muitos judeus acusam Pio XII de não os ter ajudado contra Hitler.

Abril

6 de abril: 500 anos da morte de Rafael
O grande mestre italiano da pintura do Renascimento Rafael Sanzio desapareceu há cinco séculos. Morreu no dia 6 de abril, no mesmo dia em que faria 37 anos. O Instituto de Altos Estudos da Academia das Ciências de Lisboa, através do Instituto Adriano Moreira, celebra a efeméride com um ciclo de conferências dedicado a Rafael, coordenado pelo Prof. Vítor Serrão (ARTIS - Instituto de História da Arte e ACL), com início a 25 de novembro e que se estenderá até 22 de janeiro de 2020.

10 de abril: 50 anos do fim dos Beatles
No final do ano anterior já muito se tinha falado de que os Beatles estavam por um fio aquando do lançamento de Abbey Road. Mas, nesse dia, os fãs dos quatro de Liverpool não queriam acreditar nas notícias. Paul McCartney abandonava a banda para lançar o primeiro álbum a solo e era decretado oficialmente o fim dos "quatro de Liverpool". Não será uma data para comemorar, mas sim para recordar e homenagear uma das melhores bandas de sempre.

22 de abril: 150.º aniversário de Lenine
Vladimir Ilyich Ulianov, mais conhecido por Lenine, nasceu neste dia há 150 anos. O Partido Comunista Português já fez saber que se associa às comemorações do nascimento do líder soviético. Vladimir Lenin ficou à frente dos destinos da Rússia desde a Revolução Bolchevique, em 1917, que colocou fim ao czarismo, até 1924, já depois de ser declarada a União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS). Inspirado nas ideologias marxistas, as suas teorias políticas ficaram conhecidas por leninismo. Morreu em janeiro de 1924, com 53 anos.

Maio

12 a 16 de maio: Festival Eurovisão em Roterdão
A 65.ª edição do Festival Eurovisão da Canção decorre na cidade holandesa de Roterdão. Tanto as semifinais como a grande final terão lugar na Ahoy Arena, nos dias 12, 14 e 16 de maio, respetivamente. Mais de 40 países entram no concurso.

30 de maio: Final da Champions
A final da Liga dos Campeões vai disputar-se em Istambul, no Estádio Atatürk. Já se sabe que Portugal não irá ter nenhuma equipa na final, uma vez que o Benfica foi eliminado na fase de grupos. O campeão ganhará o direito a disputar a Supertaça de 2020 contra o vencedor da Liga Europa.

Junho

2 a 6 de junho: Lisboa recebe Conferência dos Oceanos
A capital portuguesa vai acolher a segunda conferência das Nações Unidas sobre os oceanos. A Assembleia Geral da ONU decidiu convocar esta conferência para apoiar a implementação do objetivo 14: conservar e usar de maneira sustentável os oceanos, mares e recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável. O tema principal da conferência é a ampliação da ação oceânica baseada na ciência e na inovação, bem como levantamento, parcerias e soluções.

12 de junho: inauguração do Euro 2020
Jogo inaugural do Euro 2020, no Estádio Olímpico de Roma - a final ocorrerá exatamente um mês depois, a 12 de julho, no Estádio de Wembley, em Londres. Fernando Santos, selecionador nacional, vai tentar repetir o feito de 2016 e manter o título de campeão europeu de futebol. Sabe-se já que Portugal vai jogar com a Alemanha e com a França, mas ainda falta conhecer o terceiro adversário da equipa das quinas - isso só acontecerá em março.

10 a 12 de junho: G7 já não se reúne no resort de Trump
Os EUA acolhem a cimeira dos sete países mais industrializados do mundo. A particularidade - e a controvérsia - associada a este encontro é que estava previsto decorrer no resort do presidente Donald Trump, em Miami. Mas "devido à hostilidade louca e irracional dos media", disse Trump, está a ser procurado outro local. Uma possibilidade é a residência oficial de Camp David, no Maryland.

24 a 28 de junho: Rock in Rio volta à Bela Vista
O Parque da Bela Vista acolhe mais uma vez o festival de música Rock in Rio, que terá concertos a 20, 21, 27 e 28 de junho. O cartaz ainda está longe de estar completo, mas já estão confirmados habitués como Ivete Sangalo, Xutos & Pontapés e também os Foo Fighters.

26 de junho: assinatura da Carta das Nações Unidas
Comemoram-se 75 anos sobre a assinatura da Carta das Nações Unidas em São Francisco, que deu corpo à ONU logo após a Segunda Guerra Mundial, em substituição da Liga das Nações, como entidade máxima do direito internacional e promotora da cooperação internacional. Entrou em vigor quatro meses depois, a 24 de outubro de 1945, data oficial do nascimento da ONU. Nessa data, tinha 51 membros, atualmente são 193.

Julho

13 a 16 de julho: convenção do Partido Democrata indica candidatos
Os delegados à Convenção Nacional do Partido Democrata reúnem-se durante três dias no Fiserv Forum, em Milwaukee, Wisconsin, para escolher os candidatos do partido ao cargo de presidente e vice-presidente dos EUA. Joe Biden (ex-vice presidente) e Bernie Sanders, senador do Vermont, estão entre os principais candidatos.

16 de julho: O regresso de Top Gun
Tom Cruise está de regresso com um novo Top Gun, que agora ganha o nome da sua personagem no título - Top Gun Maverik. Ao fim de 30 anos, Cruise e Val Kilmer voltam a juntar-se nos principais papéis, sendo os únicos do filme original. Os ases indomáveis voltam a voar e a mostrar que não temem o perigo.

17 de julho: NASA envia robô para Marte
A NASA prevê enviar um veículo espacial para a cratera Jezero de Marte. A janela de lançamento abre-se entre 17 de julho e 5 de agosto. O lançamento está programado para a estação de cabo Canaveral, na Florida, e espera-se que o rover aterre em fevereiro de 2021. A duração da missão é de aproximadamente um ano em Marte, o equivalente a 687 dias terrestres.

24 de julho: Jogos Olímpicos de Tóquio
As XXXII Olimpíadas vão realizar-se em Tóquio, capital do Japão, de 24 de julho a 9 de agosto. Portugal vai estar representado com mais de três dezenas de atletas, em modalidades que vão do atletismo ao judo e à canoagem, entre outras. João Vieira, Pedro Pichardo, Patrícia Mamona e Fernando Pimenta são alguns dos atletas já apurados.

Agosto

6 e 9 de agosto: 75 anos dos bombardeamentos de Hiroxima e de Nagasáqui
A quinta revisão do Tratado de não Proliferação de Armas Nucleares acontece quando se cumprem 75 anos sobre o lançamento das duas bombas nucleares no Japão - a bomba de urânio (Little Boy) foi lançada sobre Hiroxima a 6 de agosto de 1945; seguiu-se uma segunda explosão de uma bomba nuclear de plutónio (Fat Man) sobre Nagasáqui a 9 de agosto. Nos primeiros quatro meses após os ataques, morreram cerca de 160 mil pessoas em Hiroxima e 80 mil em Nagasáqui.

24 a 26 de agosto: Convenção Nacional do Partido Republicano
O Partido Republicano confirma, na Convenção Nacional, em Charlotte, Carolina do Norte, o nome do candidato presidencial e aprova o programa que levará às eleições de novembro. Donald Trump vai tentar a reeleição ao fim de quatro anos à frente da Casa Branca, embora decorra contra si um processo de impeachment.

Setembro

Mayflower partiu há 400 anos para o Novo Mundo
Eventos em Inglaterra, Holanda e Estados Unidos marcam o 400.º aniversário do Mayflower, o navio que em 1620 partiu de porto de Southampton, Inglaterra, e levou os primeiros colonos para a América - os peregrinos que foram levados para o Novo Mundo. E um navio totalmente autónomo, e com o mesmo nome, fará agora a mesma viagem através do Atlântico.

18 de setembro: 50 anos da morte de Jimi Hendrix
Passou meio século sobre a sua morte, mas Jimi Hendrix mantém o estatuto de um dos melhores guitarristas da história. Os fãs têm um pretexto para celebrar um dos grandes do rock'n'roll, que morreu há 50 anos em Londres, com apenas 27 anos.

Outubro

15 de outubro: novo Orçamento do Estado
Todos os anos a data cumpre-se religiosamente: o ministro das Finanças entrega na Assembleia da República a proposta de Orçamento do Estado para o ano seguinte. Com o OE 2021, Mário Centeno prevê conseguir o primeiro excedente público em democracia (0,2% do PIB).

20 de outubro: Expo do Dubai
É inaugurada a Expo 2020, no Dubai (Emirados Árabes Unidos), que se prolongará até 10 de abril de 2021, sob o tema Ligar Mentes, Criar o Futuro. Trata-se de um dos mais importantes eventos mundiais, que reúne diversos setores, desde empresas privadas, ONG e instituições governamentais, todas destinadas a discutir temas como negócios, tecnologia, urbanismo, sustentabilidade, ciências, cultura, gastronomia e economia. Portugal vai marcar presença com o tema Portugal - Um Mundo num País. São esperados mais de 25 milhões de visitantes.

Novembro

3 de novembro: eleições presidenciais nos Estados Unidos
Como é habitual, as eleições presidenciais americanas caem em cima de uma terça-feira. O presidente Donald Trump, republicano, eleito em 2016, tenta um segundo mandato. Do lado dos democratas, o ex-vice-presidente Joe Biden é o principal candidato. Os americanos são chamados a escolher um presidente pela 58.ª vez. As eleições primárias deverão realizar-se nos primeiros seis meses de 2020. O vencedor das eleições presidenciais toma posse a 20 de janeiro de 2021.

2 a 5 de novembro: Lisboa acolhe a Web Summit
O evento que junta os gurus da tecnologia deverá manter-se no Parque das Nações. Mas a negociação entre a Câmara de Lisboa e a Fundação AIP - dona da FIL -, que terá de estar concluída até 31 de março de 2020, sobre a expansão da Feira Internacional de Lisboa, poderá trazer novidades sobre o espaço onde decorre a Web Summit de 2020.

9 a 20 de novembro: Glasgow recebe cimeira do clima
A grande cimeira das Nações Unidas sobre as alterações climáticas realiza-se em Glasgow, na Escócia, depois de o Reino Unido e a Itália terem acordado a organização do evento. A COP 26 tem sido apresentada como a reunião mais importante de líderes mundiais sobre o clima desde a assinatura do Acordo de Paris, em 2015. São esperados 30 mil delegados.

21 a 22 de novembro: G20 reúne-se na Arábia Saudita
Representantes das 19 maiores economias do mundo, mais a União Europeia, o FMI e o Banco Mundial, realizam a Cimeira do G20 em Riade, na Arábia Saudita. A escolha do país que acolherá o encontro foi decidida antes do assassínio de Jamal Khashoggi, o jornalista saudita dissidente que foi morto no consulado do seu país em Istambul, Turquia, em outubro de 2018.

28 de novembro: 200.º aniversário de Friedrich Engels
Há 200 anos nascia no então reino da Prússia (atual Alemanha) o teórico revolucionário que, juntamente com Karl Marx, fundou o marxismo. Com Marx, foi coautor de diversas obras - a mais célebre é o Manifesto do Partido Comunista. Morreu a 5 de agosto, em Londres, com 74 anos.

Dezembro

14 de dezembro: eclipse do Sol
O eclipse solar será visível no sul da América do Sul e será total na Argentina e no Chile. Um eclipse solar ocorre quando a Lua passa entre a Terra e o Sol, obscurecendo total ou parcialmente a imagem do Sol para um observador na Terra.

17 de dezembro: 250.º aniversário do nascimento de Beethoven
Ludwig van Beethoven, um dos expoentes máximos da música clássica, nasceu há 250 anos no reino da Prússia, atual Renânia do Norte (Alemanha). Palcos do mundo inteiro têm homenageado o génio para celebrar a data. O projeto Beethoven - The New Complete Edition, em parceria com a Beethoven-Haus Bonn, foi recentemente editado e inclui 118 CD, três discos Blu-ray Audio, dois DVD e 16 álbuns digitais. Beethoven morreu com 56 anos, em Viena.

31 de dezembro: fim da concessão dos Correios
A concessão do serviço postal universal (Correios) termina a 31 dezembro de 2020. Está a ser feita uma consulta pública para eventualmente se negociar novo contrato de concessão. Mas já há quem defenda que os serviços postais devem regressar à esfera pública.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG