Premium Donald Trump Jr. Caçadas, negócios falhados e mentiras no Twitter

Rede social puniu o filho mais velho do presidente dos EUA por partilhar vídeo com alegações falsas. O rasto tóxico de Donald Jr. não se fica por aí.

Primeiro foi o pai quem partilhou o vídeo e viu o mesmo ser apagado do Twitter. Depois foi o filho que, pela mesma partilha, perdeu o direito a usar a rede social durante 12 horas. Num momento em que os Estados Unidos somam mais de 152 mil mortos pelo novo coronavírus e uma média diária de novos casos superior a 50 mil, a família do presidente foi desautorizada pelo Twitter, mas também pelo Facebook e Google pela partilha de um vídeo dos adeptos de teorias da conspiração.

"Ninguém precisa de ficar doente", dizia no vídeo a médica de família Stella Immanuel. "Este vírus tem uma cura: chama-se hidroxicloroquina", exclamou nos degraus do Supremo Tribunal em Washington, junto de outras pessoas de bata branca.

Ler mais

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG